Brainstorming: como usar essa técnica no seu negócio

Quer aumentar os resultados da sua empresa? Com o brainstorming você consegue ter soluções e ideias criativas para o seu negócio alavancar. Conheça!

20/Jan/2021
Gestão

Sabe aquele momento em que a empresa precisa de ideias inovadoras e criativas para o dia a dia ou algum projeto em específico e não sabe como seguir? Que tal fazer uma brainstorming? Essa é uma técnica muito usada para propor soluções com liberdade e o debate direto com os colegas de trabalho.


Criada em 1948, pelo renomado publicitário Alex Osborn, a brainstorming, ou tempestade de ideias na tradução para o português, pode ser aplicada em uma empresa desde o início, durante o desenvolvimento de produtos ou serviços, até problemas na fase final de entrega.


E agora que você já sabe o que significa brainstorming, que tal aprender como aplicar na sua empresa e atingir resultados ainda melhores? Leia o artigo abaixo e tire todas as suas principais dúvidas! 


Conceito de brainstorming

Já ouviu aquele ditado que “duas cabeças pensam melhor que uma”? Essa é uma das principais frases que pode ser usada quando alguém pergunta o que é brainstorming! Dessa forma, é possível ter ideias diferentes e criativas para as mais variadas situações. 


E para ser feito com qualidade, o recomendado é que a brainstorm ou brainstorming envolva uma quantidade elevada de pessoas para que as perspectivas trazidas nas reuniões sejam plurais. Mas não se esqueça! O ideal é que o foco seja na quantidade de ideias.


O melhor do brainstorming é que toda ideia é válida! Assim, mesmo aqueles pensamentos bem diferentes e variados são usados para definição de estratégias. No final é feito um filtro que permite escolher quais são as mais apropriadas para o objetivo da empresa. 


Por isso, ter um grupo dinâmico e ativo na companhia faz total diferença no desenvolvimento e no processo criativo. E a principal dica, como dito anteriormente, é não ter nenhum tipo de crítica ao brainstorming. Porém, é fundamental que todas as ideias estejam de acordo com o foco da empresa.

Quais são os tipos de brainstorming?

Como já dito anteriormente, brainstorming online ou presencial apresentam resultados incríveis para as mais variadas empresas, tudo isso com o mesmo modelo de execução, porém com tipos diferentes de trabalho, que são o estruturado e o não estruturado. Quer conhecer?

Estruturado

Nesse caso, a organização é feita em rodadas com um tempo determinado previamente. Dessa forma, todos os participantes têm espaço para expor suas ideias e defender os pontos que considera positivos. Essa é uma ótima opção para criar interação com os funcionários.

Não estruturado

Com esse modelo é possível ter ainda mais flexibilidade com as ideias e é um dos tipos de brainstorming mais usados por não ter uma ordem para expor os insights que vão surgindo durante a reunião. Esse é um dos mais positivos por não ter nenhuma pressão envolvida, o que ocasiona em uma leveza maior no processo.



Como funciona na prática a “tempestade de ideias”?

E se você ainda está se perguntando sobre exemplos de brainstorming para realizar a reunião na prática, abaixo você vai ter algumas dicas de como deixar o encontro mais dinâmico e não errar em nenhum ponto.


  1. Breve explicação do problema;
  2. Anotação, por parte de cada participante, das ideias;
  3. Apresentação das ideias ao grupo;
  4. Junção das ideias,
  5. Término da reunião.

1. Tenha profundo conhecimento no tema

Organize um tempo em sua agenda para entender o briefing e não esquecer nenhum detalhe importante. A pesquisa nesse caso é essencial para não acontecer erros ou deslizes durante o processo. 


Definir pontos para o arquivo de personas, por exemplo, facilita a entender sobre a marca e o tom de voz que deve ser usado. Além disso, dúvidas comuns podem ser sanadas com muito mais facilidade. Faça questionamentos como: “quem é a persona? Em que momento ela aparece? Como a persona resolve o problema?”, entre outros.

2. Engaje o time

O indicado é sempre ter um número grande de pessoas participando do brainstorming, e com isso, sempre que for necessário, o ideal é engajar a equipe a ajudar na investigação do problema e explicar todos os benefícios de ter todo o time em conjunto.

3. Compartilhe as novidades antes da reunião

Esse é um detalhe extremamente importante para a boa execução da reunião de brainstorming, isso porque, conhecer todos os resultados com antecedência faz com que as ideias sejam mais concretas e palpáveis. 


Dessa forma, o recomendado é ter um storytelling em que todos os envolvidos tenham empatia pela persona e entendam toda a importância para o processo. Entender a dor do cliente e quais são os principais pontos a melhorar auxilia a criar produtos de qualidade que vão atingir a raiz do problema.


Aumente a criatividade no seu ambiente de trabalho

Agora que você já sabe como fazer um brainstorming bem estruturado para o seu negócio, não deixe de começar e a aplicar no seu dia a dia. Transforme os momentos simples em grupo em soluções que podem fazer a diferença nos seus processos de trabalho. 

Além de ótimas ideias, todos os funcionários que participarem da reunião vão se sentir cada vez mais pertencentes e integrados. Isso aumenta a produtividade, os deixa motivados e com mais comprometimento nas entregas. Afinal, não há nada melhor do que ver o resultado do seu trabalho, não é mesmo?

E para melhorar ainda mais a sua “tempestade de ideias”, que tal apostar em cursos para o seu negócio que potencializam e aumentam todas as habilidades? Conheça a Omie.Academy, uma plataforma que conta com tudo que você precisa em um só lugar. Acesse e confira!





Receba as novidades

Assine nossa newsletter

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas

Posts Relacionados

Artigos por autor

Receba as novidades

Receba as novidades

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas