Experiências únicas de vendas na Omie

Marcela Paduano e Karine Tavares contam como é o mundo de vendas da Omiexperience, como líderes de Inside Sales

29/03/2019
Omie Way

Muita coisa em 28 anos

Conheça a história da Marcela Paduano, Team Leader de Inside Sales da Omiexperience, que do buffet infantil, rodou bastante até descobrir sua paixão

Eu sei que chega a ser estranho alguém falar que com 28 anos já teve tantas experiências, mas olha, eu realmente passei, por muitas coisas boas e algumas ruins também.

Eu comecei a trabalhar com 16 anos, e eu era: monitora de buffet infantil. Deixa-me te contar, era muito divertido! Então eu tive a chance de ter o meu primeiro estágio, em consultoria financeira, e foi uma experiência muito boa, para me fazer ter certeza de que não era isso que eu queria para mim.

Mais uma experiência depois, atrás de um balcão de shopping, tive a minha primeira experiência com uma meta, que eu bati! Nessa época tive 3 meses insanos da minha vida, trabalhando de domingo a domingo, mas crescendo muito.

Passei quase 3 anos em uma importadora de cosméticos, podendo lá me familiarizar com o mundo dos fretes internacionais, invoices e legislações. Aprendi muito por lá também fiz grandes amizades.

Então chegamos nos meus 25 anos. Eu já tinha passado por buffet infantil, consultoria financeira, loja de shopping, importação de cosméticos até que, em 2016, iniciei como comercial na área de logística intermodal. Meio bagunçado, né? Eu admito.

Mas foi justamente aí que, 3 anos atrás, me descobri apaixonada por vendas! Pelo dinamismo, pelo contato com pessoas, pelo dia a dia imprevisível. Por toda a realização que eu sentia em atingir resultados, superar metas e saber que fazia a diferença na vida de alguém. Mas eu ainda queria mais.

Em 2018, mais precisamente no dia 15 de fevereiro, tive o meu início em um projeto novo, em uma empresa nova, aquele clima de start up que eu nunca tinha vivido. Me encantei logo no primeiro dia!

No time de Inside Sales da Omiexperience, todo dia era uma descoberta diferente, uma pessoa nova chegando, o projeto crescendo, tudo isso em um ritmo mais do que acelerado. Em poucos meses me tornei uma das mentoras do time, com o desafio de desenvolver os novos colaboradores que chegavam.

Eu tinha de ser referência e me desafiei a ser melhor a cada dia. Até que, em agosto, fui promovida a Team Leader! Tudo isso em 6 meses, acredita?

Pois é, nem eu! Foi um desafio e tanto, me desenvolvi, tive pessoas que me ajudaram em cada passo que eu dei. Estudei, me esforcei e hoje sou extremamente grata por todo o desenvolvimento que eu tive ao longo do caminho, não foi fácil, mas essa é a melhor parte, o desafio!

O time dos sonhos, mulher de sorte!

Conheça a história da Karine Tavares, uma das primeiras contratações, a primeira Team Leader e coordenadora do Inside Sales da Omiexperience

Você já ouviu falar de uma equipe comercial colaborativa, onde todo mundo ajuda todo mundo? Já ouviu falar em um executivo que descobre um novo pitch, uma nova técnica, e corre para compartilhar com seus pares? Você que trabalha na área comercial, já imaginou algum executivo no último dia do mês passando clientes extremamente quentes para o colega do lado, pensando somente na meta deste colega e não na própria comissão?

Se você já ouviu falar ou vive isso, animal saber que existem mais de nós por aí! Já eu, que trabalho há 11 anos na área comercial, jamais tinha presenciado algo do tipo. Muito pelo contrário, presenciei muita gente tentando derrubar o colega do lado, muita gente tentando diminuir os pares para se sentir maior, entre muitas outras coisas tristes

E tudo isso era extremamente nocivo pra mim. Me deixava muito mal, decepcionada e angustiada, porque eu tinha a certeza que se todos trabalhassem juntos, o resultado individual, do time e da empresa seria mil vezes melhor.

E além disso, a vida das pessoas seria mais leve, o dia-a-dia de todos teria muito mais amor e alegria. Enfim, me decepcionei tanto naquela época da minha vida com a área comercial, que apesar de amar, eu resolvi largar tudo. Tive muitos conflitos internos e inseguranças, afinal, eu não sabia qual rumo minha vida iria tomar, eu estava largando minha carreira - que estava indo muito bem, obrigada.

Fui para o exterior por seis meses para fazer um curso e colocar a cabeça no lugar, quando voltei para o Brasil passava somente uma coisa na minha cabeça: eu só vou entrar em uma empresa que esteja ligada aos meus valores e propósitos.

Então, me deparei com a Omiexperience. Minha amiga de infância tinha acabado de começar a trabalhar aqui, me contou um pouco sobre as experiências que havia passado no processo de onboarding e como as coisas funcionavam. Eu me apaixonei pela empresa antes mesmo de começar o processo seletivo, o brilho no olho da Marcela me fez ter a certeza que eu precisava entrar nessa empresa!

Participei do processo seletivo e saí daqui torcendo por mim. Então recebi a confirmação, eu passei no processo, fui uma das primeiras a ser contratada para o Inside Sales. Depois acabei sendo a primeira executiva de vendas, a primeira Team Leader e a primeira coordenadora do Inside!

Hoje, toda vez que paro para observar tudo que criamos, todas as contratações, processos, estruturas, pitchs - e claro, todos erros e acertos que tivemos - meus olhos se enchem de lágrimas!

Eu tive a sorte de poder participar da criação de uma equipe extremamente colaborativa, do bem, cheia de propósito, valores e claro, ativações. A nossa máquina de vendas é extraordinária e eu tenho muito orgulho de cada integrante, cada batalha e cada conquista.

Receba as novidades

Assine nossa newsletter

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas

Posts Relacionados

Artigos por autor

Receba as novidades

Receba as novidades

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas