Primeiras necessidades - Passo 1 do Guia Contador 2.0

Neste Guia você saberá o que são os níveis em que um escritório contábil pode estar perante seus clientes, e como fazer o trajeto para transformar a sua prática na verdadeira Contabilidade 2.0

08/03/2019
Omie Smart
https://go.vooozer.com/embed/fac10a1d

Antes de iniciarmos de fato os conteúdos deste artigo é importante frisar. Desde que contabilidade é contabilidade todo contador é consultor. Afinal de contas, o papel do contador é ser o guardião financeiro e contábil do seu cliente, cuidando efetivamente de todos os seus números, reportando o seu passado recente financeiro, alertando sobre seus riscos e prestando contas ao fisco sobre suas informações contábeis. Mas na prática como isto funciona? é isto que a sua empresa faz para seu cliente?

Então quando falamos aqui sobre o papel do contador podemos classificá-lo em 3 dimensões ou níveis, que são:

- Técnico: baseado na conformidade legal, se preocupando em cumprir as obrigações assessórias, entregando informações ao fisco, calculando os impostos. Este é o papel da grande maioria dos escritórios contábeis no Brasil. É o serviço com menor valor, pois está baseado na conformidade legal. Aqui a competição é por preços, pois os serviços são como commodities.

- Consultor: nesta dimensão, além do técnico, o contador está comprometido com a consultoria de negócios, gestão financeira do cliente, e planejamento e gestão orçamentária. Esta empresa contábil contribui e é proativa nos resultados, participando ativamente do crescimento e da prosperidade do seu cliente. Nesta dimensão os serviços agregados são grandes, o desempenho financeiro e eficiência do cliente é um dos alvos principais.

- Conselheiro: no terceiro e último nível, além das funções anteriores, o contador desempenha atividades de planejamento estratégico, planeamento sucessório e serviços de valuation, fusões e aquisições. Neste nível o empresário contábil está diretamente ligado no crescimento e prosperidade do seu cliente. Totalmente estratégico, aqui o contador faz uma atuação como se fosse um diretor financeiro. Como muitos dos serviços são feitos remotamente através de software em nuvem, podemos apelidá-lo como um CFO as a service.

Este Guia inicia uma série de artigos sobre a transições para o contador consultor ou contador conselheiro em escala. Esta transição é importante principalmente para os profissionais ou empresas contábeis que estejam comprometidos em fornecer serviços de consultoria para várias empresas ao mesmo tempo, ou seja, através da combinação de software de gestão empresarial (ERP), software de gestão financeira e projeções.

Se a sua empresa se encaixa nos 2 últimos perfis é um ótimo sinal. Você está caminhando para se tornar uma contabilidade consultiva.

Nesta fase é importante a sua qualificação, ou seja, identificar se o seu desejo ou expectativa tem a ver com a situações onde você está agora. Refletindo sobre as questões que possibilite se tornar esta empresa que você idealiza.

As questões abaixo vão te ajudar a entender o primeiro passo.

1. Fale-me sobre o seu negócio? – Aqui é importante entender se você está focado na dimensão técnica ou se já atua nas demais dimensões. Se estiver ainda focado em gerenciar contabilidade passada (recente), obrigações fiscais, folha de pagamento e controle societário, você ainda está na dimensão técnica.

2. Você já tem um programa de serviços de consultoria financeira existente?

3. Quais problemas você gostaria de resolver em sua prática? – Esta pergunta indica se com esta transição você irá colocar situações a resolver em sua empresa, como inserir novos clientes, aumentar a sua produtividade, seu nível de automação, seu faturamento, sua margem de lucros entre outros.

4. Quais problemas você gostaria de ajudar os seus clientes empresariais a resolver? – Diz respeito a identificar se você sabe a situação de seus clientes, se eles estão ganhando dinheiro, se controlam suas metas, seus orçamentos, seus balanços entre o Orçado X Real, se suas equipes estão conseguindo entregar seus resultados. Enfim, o nível de informações a respeito dos problemas de seus clientes.

5. Fale-me sobre as outras soluções que você analisou – Aqui você indicará se existem outras possibilidades ou oportunidades que lhe trarão benefícios em ser tornar um contador consultor.

6. Qual é a sua posição? – Verifique quem mais estará envolvido no processo. Uma vez decidido em partir para a contabilidade consultiva ou conselheira, importante você refletir sobre após a decisão, o que você precisa começar a fazer, a aprender e também indicar se na sua empresa ou na empresa de seu cliente, que são as que precisarão estar envolvidas no processo.

7. Por último, ao falar com os empresários, é sempre bom perguntar se alguma outra pessoa estará executando ou gerenciando a sua operação financeira. O fato de seu cliente não ter uma gestão financeira apropriada ou uma estratégia definida sobre seu crescimento e gestão irá lhe abrir uma oportunidade de demanda para que você lhe ofereça estes serviços, que você tem o conhecimento para fazer.

Após estes passos você chegará a uma primeira conclusão, que diz respeito sobre a sua qualificação.

Estando entre o nível consultivo ou conselheiro, você estará no caminho certo. Se ainda está no nível técnico, pode pensar em como fazer essa transição na sua empresa contábil. Em breve darei sequência a este Guia e mostrarei todos os caminhos que você pode trilhar para se tornar um verdadeiro Contador 2.0.

Todos os passos do Guia do Contador 2.0

>> Planejamento financeiro – Passo 2 do Guia Contador 2.0

>> Proposta de serviços - Passo 3 do Guia Contador 2.0

>> Preço de consultoria financeira – Passo 4 do Guia Contador 2.0

>> Presente e futuro – Passo 5 do Guia Contador 2.0

>> Olho no olho – Passo 6 do Guia Contador 2.0

>> Aspectos limitantes – Passo 7 do Guia Contador 2.0

Wagner Xavier

Wagner Xavier é Diretor de Contas Especiais na Omie.
Com vasta experiência no mercado de tecnologia voltado para contadores e um fã confesso do bom rock ’n’ roll.
Quer falar com ele? wagner@omie.com.br

Receba as novidades

Assine nossa newsletter

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas

Posts Relacionados

Artigos por autor

Receba as novidades

Receba as novidades

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas