O que gera motivação no trabalho?

A motivação no trabalho é influenciada por diversos fatores e impacta diretamente os resultados da empresa. Saiba como manter uma equipe motivada e focada

07/Jun/2022
Empreendedorismo

Indo muito além do RH, a motivação no trabalho é um assunto que envolve todas as áreas de uma empresa. Afinal, o engajamento e o alinhamento da equipe com os objetivos gerais da empresa é um dos principais pontos para alcançar resultados positivos.

Ainda, a aproximação e identificação do funcionário com a empresa, de forma natural e genuína, gera uma relação saudável e duradoura que tende a beneficiar ambos. Além disso, ao considerarmos a competitividade do mercado de trabalho, esse vínculo se mostra ainda mais importante.

O Brasil é o país com o maior índice de rotatividade no mundo. É o que aponta uma pesquisa global feita pela Robert Half. No país, o rodízio dos profissionais nas empresas aumentou em 82%, enquanto a média mundial é de 38%. Os motivos vão de baixa remuneração e pouco reconhecimento, à desmotivação e incerteza com o futuro da empresa.

Agora, você já se perguntou o que gera a motivação no ambiente de trabalho? Neste artigo você vai entender como exercitar e melhorar esses aspectos, além de compreender a importância desse indicador para uma empresa. Também irá aprender como identificar colaboradores desmotivados e as ações recomendadas para mudar tal realidade. Boa leitura!

O que é motivação no trabalho?

A motivação no trabalho é o impulso que direciona toda a equipe a um mesmo objetivo. Ela também pode ser compreendida como a determinação e empenho comum para realizar as diferentes tarefas cotidianas. O que te motiva no trabalho tende a envolver uma relação de ação e reforço. Ou seja, você realiza uma ação e espera, mesmo que inconscientemente, uma recompensa ou retorno positivo por aquilo.

É essa força maior que irá nos impulsionar a cumprir tarefas, sejam elas simples ou complexas. É a motivação no trabalho que nos inclina a realizar atividades, entregar resultados e exceder as expectativas.

O que gera a motivação?

Apesar de ser um sentimento comum a todas as pessoas, também somos impactados de formas diferentes por ele. Algumas pessoas podem se sentir mais motivadas em alguns aspectos, e menos motivadas em outros. Ou ainda, podem se motivar por motivos ou recompensas diferentes e, até mesmo, inesperadas.

Sendo assim, é importante que vários aspectos sejam levados em consideração no momento em que a empresa elabora estratégias para engajar a motivação dos funcionários. É importante que diversos pontos sejam levados em consideração. Logo abaixo, vamos entender como cada item é capaz de gerar motivação no trabalho.

Ouvir as dificuldades

Antes de tentar deduzir o que pode ser incômodo para a equipe, é interessante que seja dada a oportunidade de um diálogo franco e sem julgamentos. Assim, os colaboradores podem falar de maneira destemida sobre as dificuldades encontradas no ambiente empresarial e quais são os pontos que precisam ser melhorados.

Organize atividades que estimulem a aproximação entre diversos setores da empresa e permita que os funcionários contem com espaços seguros para falar sobre as suas frustrações. Também é interessante oferecer um suporte que deixe claro que o comentário será considerado e devidamente avaliado.

Investir em capacitação

Um ponto que contribui para a desmotivação é a falta de perspectiva para o futuro, tanto pessoal como profissional. Por isso, investir em capacitação é uma atitude de reforço e valorização do crescimento, permitindo com que os gestores e colaboradores se alinhem em um mesmo objetivo comum.

É importante que os funcionários sintam que estão crescendo e se desenvolvendo juntamente com a empresa, adquirindo novas habilidades e melhorando as suas competências conforme a instituição também ganha espaço no mercado. Eventos profissionais, cursos e palestras são uma ótima alternativa para esse caso.

Realizar atividades descontraídas com a equipe

Você já percebeu que algumas áreas da empresa simplesmente não dialogam? Até mesmo os setores que dependem mutuamente entre si encontram dificuldades para estreitar as relações.

Por isso, é importante realizar atividades descontraídas com a equipe para permitir o entrosamento entre os colaboradores de um mesmo setor, e entre os diferentes setores da empresa. Tais atividades não precisam estar necessariamente relacionadas ao ambiente de trabalho e também podem envolver o compartilhamento de diferentes experiências.

Criar relacionamento

Manter um relacionamento mais íntimo entre o gestor e o colaborador permite uma inclusão e o sentimento de representatividade com as metas da empresa. Porém, é importante que essa relação não seja construída de uma forma maternal/paternal, mas sim que respeite os limites de uma amizade genuína.

Para tanto, um ambiente leve e aberto ao diálogo é essencial. O profissional precisa ser capaz de entender que é parte importante dentro da empresa e que a sua participação, ou não participação, fará toda a diferença nos resultados.

Oferecer um ambiente agradável

O exercício do trabalho pode ser comumente associado a algo ruim e desgastante, pois a maior parte das pessoas passa grande parte do dia exercendo as atividades profissionais. Sendo assim, um ambiente agradável pode trazer mais leveza e manter a motivação para trabalhar.

Oferecer um ambiente agradável traz resultados positivos, aumentando a produtividade e bem-estar dos colaboradores. É importante ficar atento ao funcionamento adequado das ferramentas de trabalho de cada setor; à higiene e conforto do ambiente e até ao clima organizacional entre a equipe.

Bonificar bons resultados

Todo profissional, ao atingir bons resultados, espera que os seus esforços sejam devidamente valorizados e recompensados. Afinal, se a atitude vai trazer benefícios para o desenvolvimento da empresa, por que não poderia trazer benefícios para a própria carreira?

De forma geral, também é importante que todos os outros colaboradores compreendam que bons resultados geram boas recompensas.  Por isso, é importante que a atitude de bonificar bons resultados seja parte do cotidiano da empresa.

Remunerar as funções adequadamente

Se um colaborador cumpre uma função que exige maior remuneração, não deixe de remunerá-lo adequadamente. Afinal, o fato de exercer uma função específica e não ser adequadamente remunerado por ela é um dos principais fatores de desmotivação no ambiente de trabalho.

Portanto, busque sempre atualizar os princípios da empresa e formas de adequar a remuneração oferecida com a realidade atual do mercado de trabalho.

Flexibilidade

Além do expediente, os colaboradores também exercem uma série de outras funções. Eles têm relacionamentos, são responsáveis por crianças, são filhos, praticam esportes e passatempos, cuidam da saúde, entre muitos outros papéis sociais. Assim como qualquer ser humano, todo colaborador tem uma vida além do trabalho.

Por isso, é importante ser flexível com as diferentes realidades de cada profissional. A empresa deve ser capaz de entender que o colaborador tem questões pessoais e familiares que podem ser urgentes ou inadiáveis.

Passar feedbacks

Depois de toda estratégia ser aplicada, é essencial que sejam analisados os resultados. Então, é importante que o gestor ofereça um retorno individual para cada colaborador, indicando os seus aspectos positivos e aqueles que ainda precisam ser trabalhados.

Lembre-se que essa ocasião não deve ser apenas de críticas ou reclamações. Proponha um momento de reflexão que permita a melhora do desempenho. Comentários construtivos são sempre bem-vindos.

Como manter uma equipe motivada no home office

A gestão de equipes grandes no home office trouxe um desafio a mais para manter bons índices de motivação no trabalho. Fatores como a comunicação clara e efetiva e o reconhecimento pelos bons resultados são cada vez mais importantes para uma equipe engajada.

A Omie.Academy, plataforma de educação empreendedora da Omie, pode te ajudar nesse desafio e ainda manter sua equipe motivada com vários cursos gratuitos! Confira nosso catálogo de cursos e potencialize as habilidades dos colaboradores da sua empresa!

Qual a importância da motivação no trabalho?

Uma equipe unida e motivada significa maiores chances de bons resultados para a empresa. A motivação no trabalho impulsiona a produtividade individual e os resultados gerais de uma equipe. Profissionais motivados são mais propensos a alcançar metas, a engajar outras pessoas da equipe e a atingir as metas organizacionais.

Além de tudo, a motivação para o trabalho também contribui para que bons profissionais queiram continuar na empresa, mantendo boas relações. Para tanto, é necessário que o profissional veja os desafios como oportunidades de crescimento.

Assim, a motivação é a responsável pelo crescimento pessoal e profissional. O colaborador deve possuir uma atitude de resiliência, permitindo o desenvolvimento de suas habilidades e o aumento da produtividade.

Como identificar colaboradores desmotivados?

Identificar colaboradores desmotivados é essencial para que estratégias e metas possam ser analisadas e implementadas. Se o sentimento de desmotivação afeta diversas pessoas da equipe, pode ser necessária uma atitude mais efetiva e transformadora.

A seguir, acompanhe alguns pontos que ajudam a identificar colaboradores que possam estar desmotivados.

Falta de produtividade

A queda repentina ou contínua de produtividade pode ser um sinal de desmotivação no trabalho. Porém, é importante considerar a vida pessoal do profissional, uma vez que causas externas também podem ser responsáveis por este índice.

Mal relacionamento com a equipe

Atritos com os colegas de trabalho, intrigas desnecessárias ou atitudes desagradáveis com os demais podem indicar a desmotivação com o trabalho. Esteja atento aos relacionamentos do profissional com toda a equipe.

Estresse e ansiedade

A sensação de falta de perspectiva ou pouco reconhecimento no trabalho tende a contribuir com os sentimentos de estresse e ansiedade. Tais sintomas podem indicar que o colaborador está desmotivado, além de poder afetar em grande escala a saúde do profissional. 

Esse é um tópico para se ter muito cuidado e atenção, pois em alguns casos, a situação pode ser mais grave do que aparenta e as possibilidades de burnout, depressão e ansiedade não devem ser descartadas ao observar esse tipo de comportamento.  

Não deixe de conferir a nossa matéria sobre inteligência emocional no blog da Omie!

Problemas com atrasos e faltas

A repetição do comportamento de extrema preocupação com a chegada do fim do expediente, além dos atrasos e faltas constantes, pode indicar um profissional desmotivado. Nesse caso, o colaborador sente que não deve dedicar o seu tempo àquelas atividades, ansiando para o término da jornada de trabalho.

Conclusão

Toda empresa espera contar com uma equipe engajada e comprometida em alcançar os melhores resultados. Por isso, manter os colaboradores motivados é uma tarefa que pode se mostrar complexa, mas é essencial para o sucesso de uma organização.

Agora que você já está por dentro de tudo que uma empresa deve fazer para aumentar e manter a produtividade de uma equipe, que tal aprender mais sobre gestão de negócios? Fique por dentro de todas as informações indispensáveis a qualquer líder ou gestor com o blog da Omie!

Receba as novidades

Assine nossa newsletter

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas

Posts Relacionados

Artigos por autor

Receba as novidades

Receba as novidades

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas