Perícia contábil: quais os tipos e como oferecer esse serviço

A perícia contábil é um ramo atraente e promissor para profissionais de contabilidade. Conheça detalhes sobre essa área e como se habilitar para oferecer esse serviço.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

A perícia contábil é um procedimento complexo, minucioso e de grande responsabilidade que deve ser realizada por profissionais especializados e com conhecimentos técnicos.

Por conta de sua importância, atuar nessa área apresenta uma ótima oportunidade para profissionais contábeis que desejam ampliar sua demanda de trabalho e agregar mais valor e reconhecimento a seus serviços.

Pensando nisso, conheça, com este artigo, todos os detalhes sobre a perícia contábil e veja como se preparar para oferecer esse serviço. Acompanhe!

Quais as vantagens da perícia contábil?

Segundo a NBC (Norma Brasileira de Contabilidade), a perícia contábil visa comprovar judicialmente se um fato ocorreu ou não, e como aconteceu. Esse processo é diferente da auditoria contábil, que busca determinar se uma empresa está adequada às Demonstrações Contábeis.

O perito contábil coloca em prática um conjunto de procedimentos técnicos e faz uma análise completa de um negócio com base em processo como vistoria, indagação, avaliação, arbitramento, certificação e outros.

No final, esse profissional emite um laudo ou parecer de perícia contábil, um documento final que detalha todas as informações avaliadas.

Esse é um documento muito importante para empresas, já que se trata de um arquivo técnico-científico. Com ele, empresas podem:

  • Comprovar fatos financeiros, inclusive judicialmente;
  • Assegurar a qualidade da gestão contábil e financeira;
  • Atrair investimentos, gerando mais confiança diante de stakeholders e do mercado;
  • Comprovar a regularidade dos seus registros, e do trabalho da sua contabilidade.

Quais os tipos de perícia contábil?

Quando o assunto são os tipos de perícia contábil, é importante conhecer suas duas modalidades: judicial e extrajudicial. Esta última é dividida em mais três subcategorias. Entenda mais a seguir.

Perícia judicial

A perícia judicial é geralmente solicitada pelo juiz em caso de litígio, ou seja, quando há divergências. Em geral, ela é utilizada para a conferência de dados e provas apresentadas pelas partes, seja na acusação ou na defesa.

Vale lembrar que esse tipo de perícia contábil sempre é designada para um contador que não tenha relação com o caso.

Logo, você pode ser contratado para fazer uma tarefa e deve prezar pela imparcialidade, o sigilo e a exatidão dos dados.

Perícia extrajudicial

A perícia extrajudicial não é requerida por um juiz, mas solicitada por pessoa física ou jurídica que precisa de respostas sobre uma situação contábil. Ela é dividida em três subcategorias:

  • Arbitral: diz respeito a um processo no qual todas as partes envolvidas concordam com que a perícia contábil deve ser feita e com o contador responsável;
  • Estatal: quando a solicitação é feita pelo Estado, como uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), ou a operação é conduzida pelo Ministério Público da União;
  • Voluntária: quando uma pessoa ou uma empresa solicita um perito independente visando mais transparência nas operações financeiras, por exemplo.
Libere seu crescimento - banner omie desplanilhe-se

Como oferecer serviço de perícia contábil?

Como falamos, as oportunidades para trabalhar com perícia contábil são promissoras, especialmente se considerarmos a demanda de serviços de assistência à justiça e o fato de que nem todos os profissionais de contabilidade são habilitados para isso.

Sendo assim, confira os principais passos a serem tomados caso você deseje se profissionalizar.

Tenha formação acadêmica

Para começar, vale reforçar que para trabalhar com perícia contábil é preciso ter graduação em ciências contábeis, tendo atuado como contador ou contadora.

O decreto-lei nº 9.295/46 confirma que a perícia contábil só pode ser realizada por profissionais graduados em contabilidade — pessoas com formação técnica em contabilidade não podem realizar esse serviço.

Tire o registro no Conselho Regional de Contabilidade

De posse da graduação —com um diploma devidamente reconhecido pelo MEC —, é preciso obter o registro no Conselho Regional de Contabilidade (CRC) da sua cidade.

Verifique com o CRC da sua região para saber os documentos necessários, que geralmente envolvem itens como a cópia do diploma, além de comprovantes de identificação e residência, por exemplo.

Obtenha sua habilitação pericial

Além do registro no CRC, é preciso obter uma certificação para constar no registro do Cadastro Nacional de Peritos Contábeis (CNPC). Para tal, é preciso ser aprovado no Exame de Qualificação Técnica (EQT) e também cumprir o Programa de Educação Continuada, uma exigência do CRC.

Vale reforçar que para trabalhar com perícia contábil é preciso demonstrar profundo conhecimento da legislação e capacidade de realizar análises e exames profundos e elaborar pareceres contábeis técnicos.

Por isso, toda essa jornada de exames e formação é importante para garantir o desenvolvimento contínuo do profissional e atualização diante de novas leis e práticas.

Quais ferramentas utilizar para uma perícia contábil?

Como você viu, a perícia contábil é um serviço especializado e de grande responsabilidade, que envolve investigar, validar e comprovar dados contábeis e financeiros, o que demanda muita atenção para evitar qualquer erro.

Nesse sentido, a tecnologia é uma aliada para garantir a confiabilidade. Logo, contar com um sistema que oferece soluções completas para um escritório de contabilidade é o primeiro passo para se ter sucesso com a perícia contábil.

Para gerar laudos contábeis precisos e otimizar a contabilidade fiscal de seus clientes, vale a pena investir em soluções como um sistema ERP integrado para conciliar todos os dados contábeis dos seus clientes em tempo real, gerando relatórios completos e exatos.

Além disso, apostar na automação de processos burocráticos é essencial para otimizar a rotina e ter mais tempo para se dedicar a serviços avançados como a perícia contábil.

O suporte tecnológico auxilia e facilita a tarefa de estruturar laudos periciais de alta qualidade e confiança.

Ofereça serviços de perícia contábil e amplie seu leque de serviços

A perícia contábil é uma área de grande potencial para profissionais de contabilidade, mas que demanda grande conhecimento técnico, tempo dedicado em formação e habilitação e também investimento em tecnologia para poder agregar valor e confiabilidade aos processos.

Se você deseja impulsionar os serviços do seu escritório e oferecer soluções com alto valor agregado e qualidade, conheça o ecossistema de soluções completas e integradas da Omie e revolucione a sua contabilidade!

Conheça a solução inovadora da Omie para contadores!

Banner conheça o sistema - gestão online

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
PIS: homem com mão no queixo
Conheça o que é PIS, seu funcionamento, benefícios e como garantir os direitos dos colaboradores da sua empresa.
contabilidade pública como funciona
A carreira de contador oferece diversas possibilidades, sendo uma delas a atuação na contabilidade pública. Saiba mais!
como elaborar um plano de contas
Impulsione o crescimento do seu escritório ao oferecer um plano de contas contábil a sua clientela