Apuração dos custos e despesas de um produto: essencial para sua empresa

Entenda como apurar os custos e despesas relacionados aos seus produtos pode ser um diferencial para o seu negócio

01/Out/2020
Finanças

Atualmente, o mercado é caracterizado por proporcionar ao consumidor várias ofertas de um mesmo produto. Com o aumento das possibilidades de compra, o que muitas vezes garante a venda ao empresário é a competitividade oferecida no preço.


Nesse artigo, vamos falar sobre como a apuração correta dos custos e despesas envolvidos na fabricação e venda de um produto pode ser essencial para o seu negócio, ajudando a manter o controle e dando sustentação às suas operações e, o mais importante, como Omie pode te auxiliar nisso. Boa leitura!


Qual a diferença entre custo e despesa?

Saber apurar os custos de um produto é essencial para que o preço final aplicado seja razoável o suficiente para garantir uma margem de lucro positiva e competitividade com as ofertas do mercado.


Mas antes de tudo, é importante esclarecer a diferença entre custo e despesa, que apesar de semelhantes, representam dois conceitos diferentes dentro dos pagamento de uma empresa. Acompanhe abaixo:


Despesas

São gastos que não se identificam no processo de produção, isto é, são gastos necessários para a manutenção da empresa, mas que não impactam diretamente no produto, serviço ou cliente final. Por exemplo os salários de colaboradores, despesas com administrativo, mídia, manutenção de softwares, dentre outros.


Custos 

São os gastos diretamente ligados ao produto final, seja em decorrência do seu processo de fabricação ou de aquisição de estoques. Podemos tomar como exemplo a matéria-prima e também as mercadorias adquiridas para revenda.


Em resumo, os custos possuem relação direta com o produto e, por isso, é mais fácil de contabilizar o seu impacto na hora de precificá-lo. Diferente das despesas, que por serem gerais, são apenas consideradas no resultado da Demonstração do Resultado do Exercício (DRE).


Custos e despesas: como classificá-los?

Além dos conceitos gerais de custos e despesas, é preciso ficar atento à mais um detalhe, a sua classificação. Ou seja, se são classificados como fixos ou variáveis. 


Fixos 

Os gastos considerados fixos, tanto os custos quanto as despesas, são aqueles que não variam de acordo com volume de produção e vendas. Ou seja, a empresa sempre vai arcar com estes pagamentos, independente dos resultados.  


Exemplo de custos fixos: salário de um coordenador de produção ou o aluguel de uma máquina. Ou seja, independente do número de itens produzidos, são custos fixos para a empresa, que não variam com a produção de mais ou menos produtos.


Exemplo de despesas fixas: aluguel da fábrica ou escritório, taxas bancárias e até a conta de água que, por mais que o valor possa mudar de um período para o outro, é uma despesa que terá de ser paga todo mês.


Variáveis

Diferente dos gastos fixos, os variáveis possuem relação direta com o que é produzido e vendido pelas empresas. 


Exemplo de custos variáveis: a compra de matéria prima. Afinal, se determinado produto está com vendas baixas, consequentemente sua produção diminui e a compra pela matéria-prima também. 


Exemplo de despesas variáveis: um bom exemplo de despesa variável são as comissões por vendas, onde o valor pago aos vendedores depende exclusivamente do total vendido no período.


Qual é a importância da apuração de custos?

Determinar o preço de um produto sem antes fazer a apuração do custo dele pode ser um risco. Se você é um empreendedor que visa crescimento e rentabilidade para sua empresa, é imprescindível que saiba apurar os custos dos seus produtos, pois só assim você conseguirá garantir uma maior rentabilidade e competitividade para suas vendas.


Saber identificar os custos, além de ser a base para definir a margem de lucro de um produto, te auxilia e orienta no momento da precificação do mesmo. Assim, você consegue cobrir seus gastos, garantir o desenvolvimento do seu negócio e o melhor de tudo, sem acumular produtos em estoque.


Basicamente, a apuração de custos permite ao empresário entender se um produto vale a pena ou nao ser produzido ou adquirido para revenda, com base nos custos e despesas envolvidos no processo.


 

Como fazer a apuração de custos dos produtos?

Definir o preço de um produto é uma tarefa que merece dedicação e atenção. É importante que você seja organizado e detalhista, pois nesse momento você pode determinar o sucesso ou o fracasso do seu negócio.


Separamos algumas dicas importantes para te ajudar a apurar os custos do seu produto corretamente e de forma assertiva, veja: 


Determine uma margem de lucro saudável

Estabeleça um padrão na margem de lucro para o produto específico, de modo que ele cubra a maior parte dos seus custos e despesas. É o lucro que vai garantir a saúde do seu negócio a curto, médio e longo prazo. O seu contador pode ajudar nesse sentido, fazendo a contabilidade de custos da empresa e assegurando um crescimento saudável.


Considere todas as despesas e os custos 

Coloque no cálculo todos os seus gastos! Nesse momento é importante também lembrar do frete e do seguro pago pela mercadoria, seja matéria-prima ou produto para revenda. Geralmente, estes índices representam um valor expressivo na soma das despesas.


Calcule os impostos corretamente 

Não se esqueça de considerar os impostos que recaem sobre a comercialização dos produtos. Para isso, consulte sempre o seu contador, ele é a melhor pessoa para entender e calcular os impostos da forma correta!


Avalie o mercado

Estar atento à concorrência é uma das boas práticas de gestão empresarial essenciais para manter um preço competitivo, avaliar e criar as melhores chances de mercado. Esteja sempre atento à lei da oferta e procura.


Mais que fórmulas, use um sistema que te ajude

Sabemos que as fórmulas e exemplos de custos e despesas podem te ajudar na hora de apurar os custos de um produto, mas com um sistema de gestão completo e intuitivo, os processos podem ser totalmente desburocratizados e automatizados, ajudando a evitar erros e qualquer tipo de falha nos cálculos.

 

Com Omie, a apuração de custos dos produtos é muito mais fácil

Sabemos que poucos centavos podem significar uma grande diferença na hora de conquistar novos clientes e realizar novas vendas e, ao mesmo tempo, também pode representar prejuízos na margem de lucro aplicada e esperada.


Com Omie, um sistema de gestão empresarial completo, você consegue acompanhar de perto o custo do seu produto. Ao acessar o sistema, basta entrar no cadastro do produto para visualizar a evolução de custo médio contábil dos últimos 18 meses. 


E mais! Você ainda consegue calcular o CMC (Custo Médio Contábil) dos produtos e mercadorias conforme determina a legislação do imposto de renda, em função das compras feitas no estoque.


Se quiser saber mais sobre essa funcionalidade, clique aqui.


Enfim, entender como apurar os custos dos produtos e a importância desse processo é vital para qualquer empresa. Por isso, é essencial buscar um sistema que te ajude a realizar essa apuração de forma rápida e eficiente, e transforme as complicações dos cálculos em algo muito mais simples para o seu dia a dia. 





Receba as novidades

Assine nossa newsletter

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas

Posts Relacionados

Artigos por autor

Receba as novidades

Receba as novidades

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas