O que esperar da geração Z no mercado de trabalho?

Se essa dúvida faz parte do seu cotidiano, não deixe de ler este artigo completo sobre o assunto. Saiba como atrair a geração Z para o seu negócio.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

As características da geração Z têm atraído os olhares do mercado de trabalho. Isso porque ela se destaca por abrigar nativos digitais, práticos e revolucionários. Nesse sentido, entende-se que os novatos também estejam mais preparados para enfrentar os desafios de negócios que estão cada vez mais digitalizados.

Com as mudanças que ocorrem nos mais diversos setores da economia e no modo de pensar dos consumidores e das novas gerações, as empresas têm cada vez mais a necessidade de praticar a inovação, seja para atrair novos talentos ou gerar receita.

A nova geração já chega com um objetivo: ajudar a desenvolver o crescimento e a sustentação dos negócios.

Neste artigo, você confere quem faz parte da geração Z, o que ela busca no mercado de trabalho, quais os pontos fracos e fortes, além de como captar os talentos. Boa leitura!

Quem faz parte da geração Z?

A geração Z é formada por pessoas nascidas entre 1996 e 2010, que hoje já somam grande parte da população mundial, sendo 31,5% em 2019, segundo estudo da Organização das Nações Unidas (ONU).

Trata-se de uma geração que tem um jeito único de se comunicar, com forte conexão com as redes sociais e novos aplicativos que são lançados no mercado. Sempre conectados, interagem de forma instantânea e captam informações com mais celeridade.

A geração Z antecede a geração Alpha (nascidos posteriormente a 2010) e sucede a geração dos Millennials (nascidos entre 1981 e 1995). Assim, está entre dois opostos e é formada, maioritariamente, por pessoas que estão saindo do ensino superior.

Por estarem inseridos, desde sempre, em um contexto tecnológico, são mais imediatistas e isso traz tanto vantagens quanto desvantagens, devido à probabilidade de se encontrarem ansiosos pela quantidade de consumo diário de informações.

Características da geração Z

A conexão com a tecnologia é uma grande característica da geração Z, o que também leva aos que fazem parte deste grupo terem um raciocínio mais rápido, agirem com mais agitação e possuírem dificuldades com uma hierarquia antiquada, horários fixos e rotinas maçantes de ambientes de trabalho tradicionais.

Confira, logo abaixo, algumas das principais características da geração Z:

  • Facilidade com interações tecnológicas: nascer com aparatos tecnológicos à disposição faz com que a geração Z não tenha dificuldades na hora de operar sistemas ou aprender novas tecnologias;
  • São questionadores: por serem cautelosos e céticos, não costumam ter medo de questionar sobre diversos assuntos;
  • Precisam de detalhes em instruções: a geração Z cresceu vendo tutoriais no YouTube e com muito mais informações vindas dos pais, por isso necessita de uma riqueza de detalhes nas instruções;
  • São imediatistas: a dificuldade de esperar também é uma das características, o que faz com que eles consumam diversos conteúdos e se mostrem multitarefas.

O que a geração Z busca no mercado de trabalho?

Por terem uma mentalidade mais ágil, os Z podem se dar bem como empreendedores e, também, estão sempre em busca de novos desafios. Dessa forma, as empresas devem estar atentas a novas tendências e como deixar o ambiente de trabalho mais dinâmico e desafiador.

Isso porque, as pessoas que fazem parte da geração Z não têm medo de buscar o novo, o que faz com que até mesmo procurem novos empregos de tempos em tempos. Além disso, trata-se de pessoas criativas e inovadoras, o que faz com que o mercado busque pelo perfil.

Acompanhe algumas das necessidades da geração Z no mercado de trabalho.

Flexibilidade de horário

Nada de roteiros de rotina e horários fixos. A geração Z também está preocupada com outras esferas e precisa de flexibilidade para conseguir se adaptar à vida pessoal e profissional. A autonomia é uma palavra capaz de definir essa necessidade, já que cada um tem o seu próprio ritmo e funciona melhor em horários diferentes.

Liberdade para propor projetos e defender ideias

Por serem criativos e inovadores, eles precisam de espaço para oferecer o melhor que essas duas características podem entregar aos negócios. Assim, um ambiente com liberdade é o ideal para que ele possa propor ideias e defendê-las.

Boas experiências

Os profissionais da geração Z valorizam boas experiências e não somente o salário. Por gostarem de inovação e oportunidades desafiadoras, um dos principais objetivos é colecionar bons momentos dentro da vida profissional.

Oportunidades de contribuir com a sociedade

Os gen Z também estão mais ligados com pautas sociais e ambientais. Desse modo, quando conseguem unir o trabalho a esses dois assuntos, impactando diretamente a sociedade, tendem a se sentirem mais satisfeitos.

Possibilidade de crescimento profissional

Por serem imediatistas e mais dinâmicos, não gostam de estacionar em um cargo e permanecer apenas pelo salário. Portanto, buscam constantemente por crescimento profissional e novas possibilidades de movimentação.

Desafios que possibilitem o aumento do conhecimento

Resolver problemas e enfrentar novos desafios são vistos como forma de aumentar o conhecimento e experiência pela geração Z. Logo, a empresa precisa estar atenta a isso para explorar melhor o profissional e aproveitar para resolver gargalos que existam.

Integração com equipes

Nativos digitais têm a necessidade de se comunicar e integrar com as diversas equipes dentro de um negócio, para construir trabalhos eficientes em conjunto com outras mentes.

O que esperar da geração Z no mercado de trabalho?

O que esperar de uma geração tão diferente das anteriores no mercado de trabalho? Na hora de se preparar para atrair esses profissionais, as empresas devem pensar sobre o que esperar da gen Z, tendo em vista as características já destacadas.

Nesse contexto, recrutador e empresa, de um modo geral, podem aguardar algumas vantagens. Acompanhe!

Multitarefas

Por contarem com inúmeros estímulos desde o nascimento, eles são capazes de se voltar para diferentes tarefas ao mesmo tempo, o que os torna profissionais capazes de produzirem mais.

Contam com competência tecnológica

A tecnologia não é algo desafiador para a geração Z, o que os torna mais adeptos ao contexto de transformação digital vivido na atualidade.

Criativos e inovadores

Conforme mencionado, um ponto positivo a ser explorado da gen Z é a criação e inovação que são capazes de desenvolver e oferecer aos negócios.

Abertos a mudanças e novidades

Sempre dispostos a conversar e abranger novidades, eles não serão um empecilho na hora de implementar coisas diferentes dentro da empresa.

Quais os pontos fracos da geração Z?

Que nenhuma geração e ninguém é perfeito, isso é fato. Com a geração Z, não é diferente! Sendo assim, eles podem apresentar, em determinados momentos, alguns pontos fracos que tendem a prejudicar certas necessidades das empresas.

Pouca ou nenhuma concentração

A ansiedade causada pelas redes sociais e diversas atividades no dia a dia atrapalha a concentração de qualquer ser humano. Nesse sentido, a geração Z tende a demonstrar pouca ou menos concentração.

Não permanecem por muito tempo em uma empresa

Por estarem sempre em busca do novo, podem mudar de emprego devido a frustrações que não são tão graves. Por isso, na hora de contratar e lidar com a geração Z, esteja atento a esse comportamento para evitar o turnover e os custos de contratação que exigem a troca constante de profissionais.

Dependentes da tecnologia

A distração trazida pela tecnologia também pode ser um problema ao lidar com os nativos digitais. Se por um lado é uma vantagem, por outro, a dependência da relação com o tecnológico acaba se chocando com outras necessidades.

Como captar talentos da geração Z?

Se você busca atrair a geração Z para sua empresa, fuja do tradicional. Como vimos, a geração Z é fora da curva e diferente do que se espera, caso os modelos de operação do negócio sejam pautados no tradicionalismo.

Logo, é necessário explorar outras formas de anunciar cargos, trazendo não só o básico, mas adicionando um real valor para a experiência anunciada. Saiba escolher os canais certos para se comunicar com esse público e como falar com ele.

Flexibilidade de jornada e ambiente

Já deixamos claro que a flexibilidade conta, e muito, para a geração Z. Então, destaque que ele poderá trabalhar de onde quiser e que, não necessariamente, precisará cumprir uma jornada de trabalho que envolva manhã e tarde.

Nesse contexto, o home office ganhou espaço e provavelmente deve crescer e abranger cada vez mais áreas. Ainda, ressalte que produtividade e entregas é que importam para que a empresa cresça e os profissionais acompanhem o processo.

Crescimento rápido

Dinâmicos e imediatistas, eles não gostam de esperar. Assim, mostre que a sua empresa pode oferecer crescimento rápido e que a estagnação não faz parte dos planos de carreira oferecidos.

Feedback frequente

É importante manter a geração Z informada se está caminhando pelo lugar certo. Nesse sentido, ela valoriza o feedback frequente como uma ferramenta de desenvolvimento. Afinal, por estarem entrando agora no mercado, é normal terem inseguranças e a comunicação ajuda a mantê-los próximos da empresa e alinhados com o propósito.

Incentivo à diversidade e cuidado mental

A diversidade e saúde mental também é algo pelo que prezam. Para tanto, promova ações, ouça o que os profissionais têm a dizer e crie um senso de comunidade entre todos.

Salários atrativos

As boas experiências precisam vir acompanhadas de salários atrativos, para que os profissionais da geração Z vejam na empresa um local completo e não busquem por outros desafios profissionais.

Incentivo a educação

A educação também é um ponto interessante para chamar atenção da geração Z. Nesse sentido, ofereça cursos gratuitos e incentive que os profissionais busquem por novos conhecimentos aplicáveis ao dia a dia.

Geração Z no mercado de trabalho: saiba como lidar

Aqui, você conheceu as principais características da geração Z, além do que eles esperam das empresas. Ainda, que saber os pontos fortes e fracos das novas gerações é também pensar no desenvolvimento e sustentação dos negócios.

Entender como reter talentos e buscar novos, com certeza, vai melhorar a receita da sua empresa, além de mudar a vida profissional de diversas pessoas.

Agora que você já compreende o perfil da geração Z no mercado de trabalho e já pode preparar o seu negócio para a chegada desses profissionais, leia também no blog Omie o nosso artigo: O que gera motivação no trabalho?

62a1f7437a5e6b5e2f216d35 CTA Banner Empreendedor 2 opt2 v2 184
Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
duas pessoas conversando sobre como abrir uma empresa
Se você quer ter o próprio negócio, precisa entender o passo a passo para abrir uma empresa de forma simples
Pessoa fazendo governança de dados.
Tenha uma gestão transparente e mais estratégica com a implementação da governança de dados.
ERP para pequenas empresas

MEI

Você já considerou a implementação de um ERP para pequenas empresas no seu negócio? Ententa as vantagens aqui!