Qual a diferença entre contador e contabilista?

Você sabe qual a diferença entre contabilista e contador? Apesar da similaridade das palavras, elas não significam a mesma coisa. Confira!
Navegação Rápida
Navegação Rápida

Apesar da similaridade dos termos contabilista e contador, eles não significam a mesma coisa. A área de contabilidade engloba diversos aspectos e para que ela funcione efetivamente dentro de uma empresa, é importante compreender as funções que cada profissional exerce.

Tanto para ser contabilista como contador, é necessário ter uma formação específica. Dependendo da demanda da empresa e do tipo de tarefa é que se determina se a necessidade é de um profissional ou de outro.

As atividades deles, entretanto, se complementam. Isso porque o objetivo geral é construir boas finanças e contribuir para o crescimento dos clientes, com base no respeito às leis e práticas inovadoras. Confira o post para entender mais e não fazer confusão com essas duas palavras. Boa leitura!

Bannner para conhecer o sistema

Existe diferença entre contador e contabilista?

Contador e contabilista não são sinônimos. Muitas pessoas têm essa dúvida, afinal, são palavras parecidas e que ainda estão relacionadas ao mesmo setor. Para ser um contador, o profissional deve ser graduado como Bacharel em Ciências Contábeis.

Por sua vez, o termo contabilista se refere aos profissionais que trabalham com Ciências Contábeis no geral. Eles não necessariamente têm formação universitária na área, os contabilistas podem ser técnicos em contabilidade, também chamados de técnico contábil.

Contabilista é uma descrição mais ampla do que contador. Todo contador é um contabilista pois atua em Ciências Contábeis, porém nem todo contabilista é um contador. Técnicos e contadores realizam trabalhos diferentes.

O técnico contábil é o profissional que fez curso técnico de contabilidade e também está apto a trabalhar com gestão financeira. Ele atua como auxiliar ao Contador, pois não tem permissão para desenvolver trabalhos mais específicos como perícias contábeis judiciais e extrajudiciais.

Compreender essas diferenças é essencial, pois você evita perder tempo e dinheiro, permitindo compreender qual profissional consegue suprir as demandas da empresa.

O que faz um contador e um contabilista?

Considerando que contabilista é um termo guarda-chuva para se referir às profissões relacionadas à Ciências Contábeis, é preciso entender qual é o trabalho do contador e do técnico contábil.

Formação e rotina do contador

Para que uma pessoa trabalhe como contador, ela precisa ter feito o curso de Bacharel em Ciência Contábeis. Somente os profissionais formados nessa área podem ter o registro do Conselho Regional de Contabilidade (CRC).

O contador atua em diversos setores. Ele pode trabalhar como gestor de empresas, auditor, perito em serviços públicos, em controladoria, no mercado de seguros, contabilidade gerencial, entre outros. A resolução nº 560/83 do Conselho Federal de Contabilidade  estabelece o papel do contador na empresa.

Algumas das suas funções são as mesmas do técnico contábil, como prestação de contas, cálculo de tributos, juros e taxas, escrituração contábil e fiscal. Entretanto, existem algumas atividades que somente o contador pode exercer, dentre elas estão:

  • Análise de custos e despesas;
  • Análise de custos com vistas ao estabelecimento dos preços de venda de mercadorias, produtos ou serviços;
  • Concepção dos planos de determinação das taxas de depreciação e exaustão dos bens materiais e dos de amortização dos valores imateriais;
  • Regulações judiciais ou extrajudiciais de avarias grossas ou comuns;
  • Apuração do valor patrimonial de participações, quotas ou ações;
  • Avaliação dos fundos de comércio;
  • Determinação de capacidade econômico-financeira das entidades;
  • Auditoria contábil.

Formação e rotina do contabilista

O contabilista pode ser um contador, formado em Ciências Contábeis, ou o técnico contábil cuja formação engloba cursos técnicos neste setor. Ele trabalha no departamento financeiro e contábil da empresa, onde possui como função principal organizar documentos da contabilidade e também oferecer assistência ao contador.

Dentre as atividades do técnico estão:

  • Arquivamento de documentos;
  • Registro de operações como pagamentos de tributos e  recebimentos;
  • Apuração dos ativos e passivos de uma empresa;
  • Cálculo do lucro;
  • Análise de balanço;
  • Verificação das taxas de depreciação dos bens;
  • Assessoria fiscal;
  • Emitir notas fiscais;
  • Gerar boletos.

Como escolher qual deles contratar para sua empresa?

Para escolher qual contabilista contratar para sua empresa, contador ou técnico contábil, primeiro defina quais são as tarefas que precisam ser feitas no setor financeiro. Lembre-se que somente os contadores possuem permissões para determinadas demandas, enquanto que o técnico trabalha como auxiliar.

Se você precisa de um profissional com a competência para realizar ações como regulações judiciais ou extrajudiciais, apuração de patrimônios, conciliação de contas e revisão de balanços, somente o contador pode exercer estas funções. Porém, se a sua empresa possui um orçamento maior, é possível contratar o técnico para auxiliar nos processos e agilizar a realização das tarefas, junto com o contador.

As vantagens de contratar um contador é que a sua atuação é mais aprofundada, mas  suas competências também abrangem o que um técnico faz. Já o valor para contratar um técnico contábil normalmente é menor, o que te ajuda a economizar, mas, dependendo da situação, você ainda precisará de um contador.

Banner CTA

A importância do contabilista para empresas

Seja o técnico contábil ou o contador, uma coisa é certa: profissionais contabilistas são essenciais para o bom funcionamento de qualquer empresa, seja ela de grande, médio ou pequeno porte.

Sem que o setor financeiro conte com um bom planejamento e todas as obrigações fiscais estejam em dia, as chances de que um empreendimento não seja bem sucedido são enormes. Portanto, é primordial procurar entender como implementar estratégias eficientes e contratar contabilistas aptos para atender as demandas da empresa.

Agora que você já entendeu as diferenças entre contabilista ou contador e também conheceu mais sobre o que os técnicos da área fazem, que tal se aprofundar mais na área de gestão? Confira os artigos que a Omie preparou para você e comece a transformar sua atuação hoje mesmo!

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
Saiba o que é e entenda como funciona o Prazo Médio de Recebimento (PMR) e como calcular o da sua
DACTE
Entenda o que é DACTE e garanta legalidade e transparência nas operações de transporte de forma simplificada com este guia!
on-premise
Sistema on-premise vs. nuvem: compreenda diferenças e funcionamento.