Qualidade Total: entenda o que é e conheça os seus 8 princípios

Entenda mais sobre a qualidade total e como ela pode ser uma grande aliada para o sucesso do seu negócio. Confira o conteúdo completo!
Navegação Rápida
Navegação Rápida

Você sabe o que é qualidade total nas empresas? Para muitas pessoas pode parecer óbvio garantir processos de excelência para o crescimento da empresa. Mas, na verdade, o conceito vai além. 

Quando utilizada, ela é capaz de melhorar e otimizar a rotina da empresa, manter os times integrados e levar os melhores produtos ou serviços ao mercado. Não focando apenas na produção, mas em tudo que a envolve e, principalmente, na satisfação dos clientes.

Quer entender mais sobre o que estamos falando e como a qualidade total pode ser uma grande aliada para sua empresa? Continue a leitura até o final!

O que é qualidade total?

O conceito da qualidade total surgiu em meados da década de 60, no Japão, sendo considerada uma técnica de administração multidisciplinar. 

Ela engloba diversas ferramentas, métodos e programas que devem ser utilizados em uma empresa, com o objetivo de garantir a satisfação dos clientes e otimizar os processos. Para que isso aconteça, é necessário que todos os colaboradores estejam integrados, melhorando de forma contínua os processos. 

De forma simples, podemos dizer que a qualidade total é uma técnica que visa otimizar os processos para garantir a satisfação dos clientes e para isso, envolve todas as equipes. 

Gestão da qualidade total

Conhecida como TQM, sigla em inglês para Total Quality Management, a gestão da qualidade total é uma metodologia que busca aumentar continuamente a qualidade nas empresas.  

Neste caso, a melhoria contínua foca, principalmente, na competitividade, flexibilidade e excelência do negócio. Englobando a otimização dos processos e as medidas preventivas. Com isso, é possível entender o que os clientes desejam, engajar os colaboradores, promover melhorias internas, além de reduzir custos. 

8 princípios da qualidade total

Antes de entender como implementar essa técnica, é importante conhecer os princípios da qualidade total. No caso da qualidade total deve ser levado em consideração 8 pilares. Veja quais são eles abaixo. 

1. Satisfação do cliente

Um dos principais objetivos da qualidade total é aumentar a satisfação do cliente. Por isso, o primeiro princípio é o foco nos clientes e consumidores. São eles que compram e impulsionam o crescimento do negócio.

Além do mais, é através deles, também, que você certifica a qualidade do produto ou serviço oferecido. Com isso, é fundamental entender quais são as demandas dos seus clientes e propor para eles as melhores opções para suprir suas necessidades. 

2. Participação dos colaboradores da empresa

Não tem como garantir a qualidade total se os colaboradores estiverem desmotivados, com baixos níveis de produtividade ou não entenderem bem os objetivos da empresa. 

É importante que você reconheça a importância de cada um para o sucesso do negócio e aumento na satisfação dos clientes. Além disso, eles devem se sentir motivados, contarem com as ferramentas ideais para executar suas tarefas e um bom ambiente de trabalho.

Assim, eles irão conseguir entregar resultados cada vez melhores e garantir que a qualidade total faça parte da cultura da empresa

3. Atenção no processo

Para garantir a qualidade total é essencial focar nos processos. Atualmente, é comum que os negócios contem com diferentes processos e etapas para que o produto chegue ao consumidor final. 

Desde o recebimento das matérias-primas, passando pela produção, vendas e entrega. Todas essas etapas devem ser bem detalhadas e controladas de perto para garantir a qualidade e evitar quaisquer problemas que possam surgir de maneira inesperada. 

Para facilitar esse controle e acompanhamento, você pode contar com ferramentas e sistemas de gestão integrados. Não deixe de detalhar as tarefas e responsabilidades de cada um dos envolvidos no processo. Isso vai garantir que os times estejam alinhados.

4. Sistema integrado

É normal que as empresas contem com mais de uma área, com funções e objetivos específicos. Mas, nem por isso, devem trabalhar separadamente. Eles precisam estar integrados e alinhados. 

Por isso, a qualidade total demanda de um sistema integrado. É nele que os colaboradores podem entender sobre os processos, normas e objetivos do negócio, facilitando a organização e busca constante por melhorias contínuas. 

5. Abordagem estratégica e sistemática 

Um planejamento estratégico bem elaborado é a chave para o sucesso de qualquer empresa, independente de seu tamanho ou segmento. É sobre isso que se trata esse princípio. 

A abordagem estratégica e sistemática é justamente esse planejamento que inclui a missão e visão da empresa, junto com ações e etapas que precisam ser cumpridas para que o negócio alcance a excelência e atinja seus objetivos. 

6. Melhoria contínua

Conquistar a eficiência e satisfação dos clientes exige que a melhoria contínua nos processos empresariais seja levada a sério. 

Na qualidade total isso se torna fundamental. Afinal, esse hábito leva o negócio a ser mais estratégico e se destacar competitivamente no mercado, atendendo às expectativas dos clientes. 

7. Tomada de decisões baseadas em fatos

Para entender o desempenho dos times e, principalmente, dos processos, é essencial utilizar dados. A qualidade total exige que as empresas coletem e analisem dados constantemente na busca por melhorias. 

São esses dados que permitem que as decisões sejam tomadas com mais assertividade, garantindo, assim, a qualidade e excelência em diversos aspectos do negócio. 

8. Comunicação

A comunicação é a chave para qualquer relação e para garantir a qualidade total, é fundamental que ela seja considerada uma estratégia. Quanto mais simples, direta e facilitada ela for, melhores serão as chances de entendimento. 

Importante ter em mente que a comunicação, nesse caso, engloba não só o compartilhamento de informações, mas também os canais disponibilizados para isso. Ou seja, você precisa criar um plano de comunicação, com meios que possam ser usados com facilidade e abrindo espaço para a troca de ideias. 

Banner CTA

Benefícios da gestão da qualidade total

A gestão da qualidade total precisa estar presente em todos os processos da empresa, sempre buscando a melhoria contínua. Quando bem implementada, ela é capaz de trazer vantagens significativas para o negócio. Entre as principais podemos destacar:

  • Processos mais eficientes;
  • Maior satisfação dos clientes;
  • Melhor desempenho dos colaboradores;
  • Comunicação assertiva;
  • Áreas integradas;
  • Rotinas otimizadas;
  • Melhores resultados de negócio;
  • Novas oportunidades de mercado;
  • Aumenta a competitividade.

Ao planejar e implementar a qualidade total em seu negócio, você consegue melhorar, significativamente, a produtividade e excelência, tanto dos processos, quanto dos produtos. 

Como implementar a gestão da qualidade total da sua empresa

Antes de conhecer mais detalhes sobre a implementação da gestão da qualidade total, é importante ressaltar que o tempo e investimento necessários podem variar conforme a empresa e suas particularidades. 

Ainda assim, existem alguns passos que todas elas devem considerar neste momento. Abaixo, separamos quais são eles, confira:

  • Mapeie os processos: é importante saber quais os processos devem ser melhorados, para garantir o sucesso na qualidade total. Por isso, faça uma análise detalhada das áreas, busque entender a ligação entre elas e como elas podem ser melhoradas para funcionarem de forma fluida e integrada. 
  • Utilize as metodologias adequadas: existem muitos métodos reconhecidos pela efetividade e eficiência, quando falamos em gestão e processos. Você pode usar ou mais, como a metodologia 5W2H, Ciclo PDCA, Mentalidade Lean e a análise SWOT. Porém, deve considerar as que mais se adaptam a necessidade da sua empresa, para garantir os bons resultados.  
  • Mude aos poucos: com os pontos de melhoria identificados, crie um cronograma para que as mudanças sejam realizadas gradualmente. Foque nas prioridades mais altas primeiro, assim, você vai conseguir controlar melhor cada etapa das melhorias e com maior segurança também. 
  • Acompanhe os resultados: esse acompanhamento é essencial para garantir que tudo o que foi planejado para a gestão da qualidade total esteja saindo conforme o esperado. Caso não, você pode traçar novas rotas para atingir os objetivos. 
  • Mantenha as melhorias contínuas: para que a qualidade total aconteça é fundamental não só manter as melhorias, mas também propor novas ideias para otimizar os processos e garantir a satisfação dos clientes.

Otimize a gestão do seu negócio

Atualmente, a qualidade total é um requisito essencial para os negócios que desejam se destacar competitivamente no mercado e conquistar a satisfação dos clientes continuamente.  

A melhor maneira de garantir isso é investindo em soluções e ferramentas que possibilitem tornar esse processo simples, ágil e prático, como a gestão de qualidade total e o GPD. São grandes opções para otimizar os processos e conseguir excelentes resultados. Entenda mais sobre GPD e como ela ajuda seu negócio!

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
DACTE
Entenda o que é DACTE e garanta legalidade e transparência nas operações de transporte de forma simplificada com este guia!
Veja como fazer análise de risco, superar desafios de gestão e transformar ameaças em oportunidades de melhorias e lucros de
Aprenda como fazer a implementação de ERP na sua empresa de maneira simples. Confira um passo a passo explicativo do