Tabela de Preços: dicas de como fazer!

Aprenda a fazer uma tabela de preços de forma eficiente e rápida. Descubra quais fatores devem ser considerados.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

Fazer a tabela de preços é um dos grandes desafios dos empreendedores, afinal ao  determinar preço de um produto ou serviço envolve, diretamente, valores ligados à competitividade, atração e lucro para o negócio.‍

É importante escolher um preço atrativo, mas que cubra seus gastos e proporcione lucro.‍ A precificação errada, além de colocar sua empresa em risco, pode desvalorizar o seu produto. Confira o artigo para saber mais.

O que é uma tabela de preços?

Uma tabela de preços é uma relação que indica o preço de venda de cada produto e/ou serviço. É onde você define os valores mínimos e máximos de descontos, as margens de negociações e os cenários onde cada condição pode ser aplicada.

A tabela de preços serve como base para cada produto ser vendido por um valor condizente com o mercado, mas sem apresentar prejuízos. Portanto, para montar essa tabela é necessário planejamento financeiro para determinar os gastos embutidos em cada item, por exemplo, com a produção ou compra dos produtos, embalagem e impostos. 

Para ser possível fazer liquidações e oferecer cupons de descontos, procure calcular também qual o menor valor que o produto poderia ser vendido, sem prejuízo. Campanhas promocionais são um grande atrativo e podem atrair novos consumidores. Procure atualizar a tabela de preços periodicamente para que ela não fique desatualizada caso o custo da produção ou aquisição dos itens comercializados diminua ou aumente. 

Qual a importância de uma tabela de preços bem definida?

Saber precificar de forma correta seus produtos e serviços pode significar a sobrevivência da sua empresa. O preço possui um peso estratégico para qualquer negócio. Por meio dele você pode:

  • Aumentar as vendas e o faturamento;
  • Expandir a visibilidade de mercado da empresa;
  • Enfrentar as estratégias concorrentes.

Com uma tabela de preços bem definida, você consegue visualizar estrategicamente o posicionamento da sua empresa, mensurar a entrega dos resultados de forma satisfatória e avaliar a possibilidade de uma entrega satisfatória, sem arriscar entrar em dívidas ou perder qualidade na entrega do produto e/ou serviço.

Como precificar um produto

Ao definir o preço de um produto é importante não esquecer que ele deve ser atrativo o suficiente para estimular a compra e alto o bastante para gerar lucro. Ao seguir os quatro passos abaixo, você consegue tornar esse processo mais simples e evita se esquecer de detalhes importantes. 

1. Calcular o custo por unidade

Liste quais são os gastos de produção ou compra dos produtos, de armazenamento, embalagem, mão de obra e impostos. A partir disso, determine o valor de custo de cada item para ter a base da precificação. 

2. Contabilizar as despesas 

Um produto acarreta custos que vão além da sua produção, portanto, avalie estas despesas. Considere os custos fixos, como folha de pagamento, e variáveis como a emissão de um boleto. Importante não esquecer de considerar os valores gastos com o pagamento dos impostos.‍

3. Respeitar a margem 

Defina a margem de lucro que vai aplicar sobre cada produto, de modo que garanta o seu lucro e a sobrevivência do seu negócio. Respeitar essa margem é fundamental para manter a regularidade dos preços.‍

4. Estudar o mercado

Conhecer o mercado no qual a sua empresa está inserida é fundamental para criar uma tabela de preços condizente com o mesmo. Assim, você poderá determinar preços compatíveis com o mercado para competir com seus concorrentes. Inclusive, se você identificar formas de economizar para oferecer preços menores, pode usar essa vantagem para conquistar os clientes. 

banner cta empreendedor

Como fazer uma tabela de preços? 

Quando você compreende cada etapa que constitui a criação de uma tabela de preços, fica mais fácil determinar os valores. É preciso se atentar aos detalhes para prevenir erros. 

Saiba como precificar os produtos 

Para realizar a precificação de produtos e serviços, faça uma lista dos custos e fatores que precisam ser considerados. 

Calcular o custo por unidade

Se a sua empresa é a responsável pela produção dos produtos que serão vendidos, calcule quais são os gastos com matéria-prima para cada item. Caso você revenda produtos que já são comprados prontos, considere o valor que eles são adquiridos.

Contabilizar as despesas 

A produção ou revenda de produtos acarreta despesas fixas, como aluguel, conta de luz e água, internet, impostos, salários dos funcionários, dentre outros. Além disso, também podem surgir outros gastos que não se repetem mensalmente. Liste todas essas despesas para compreender melhor o quanto a empresa gasta.

Respeitar a margem

Com todo esse planejamento feito, determine qual será a margem de lucro sobre o produto. Lembre-se que ela precisa estar alinhada com o mercado. Se você cobrar um valor muito acima, será difícil competir com os concorrentes. 

Estudar o mercado

Conhecer o funcionamento do setor que a sua empresa faz parte é indispensável e é nisso que entra a pesquisa de mercado. Isso te ajudará a precificar muito melhor os itens, mas, além disso, a criar estratégias de marketing efetivas para chamar a atenção do seu público-alvo.

Reúna as informações 

Depois que você realizou toda essa análise, incluindo custo por unidade, despesas e margem de lucro, anote cada um desses itens e analise-os em conjunto para criar a tabela de preços. Use uma planilha de Excel para organizar os preços. 

Mantenha as tabelas de preço sempre atualizadas

O preço dos produtos varia de acordo com as flutuações do mercado. Vários fatores influenciam no aumento ou redução dos preços e é preciso ficar de olho nisso para manter os valores sempre atualizados e evitar perder lucro. 

Por exemplo, se houver um aumento no preço das matérias-primas, pode ser necessário aplicar um ajuste no preço final. Por outro lado, se você conseguiu um fornecedor com um valor menor, essa é uma oportunidade de reduzir os valores e conquistar novos clientes. 

Use uma ferramenta segura e intuitiva 

Para fazer o gerenciamento dos preços e todo o controle financeiro da sua loja é possível contar com software feitos para gestão de comércio, como o oferecido pela Omie. Aqui, você encontra um programa com interface intuitiva, ou seja, fácil de usar, onde seus dados são guardados de forma segura, que oferece diversas ferramentas para otimizar o seu trabalho. 

Otimize e organize sua tabela de preços com segurança e praticidade

Você deve estar se perguntando o que todo esse tema da tabela de preço tem a ver com o ERP Omie. Entenda mais a seguir.

Tabela de Preços é uma ferramenta do sistema Omie que permite definir sua política comercial, garantindo competitividade e assegurando que todas as condições e limites estipulados sejam respeitados. Com a Omie, você pode criar quantas tabelas forem necessárias, conforme o seu negócio. Você precisa apenas:

  • Acessar configurações;
  • Incluir uma nova tabela;
  • Definir como a tabela deve ser chamada;
  • Apontar quais produtos fazem parte dessa tabela e para quais clientes ela deverá ser considerada;
  • Indicar como os preços deverão ser compostos;

Pronto, agora basta ativar a tabela de preço! A partir desse momento, quando um produto for incluído em um pedido de venda, as tabelas de preço serão sugeridas de acordo com o cliente e produto em questão, respeitando todas as condições definidas.

Para te ajudar ainda mais e incrementar a sua gestão, você pode ainda definir se essa tabela vale apenas por um período específico (importante para os empreendedores que fazem promoção pontual/sazonal, por exemplo), se define padrões de desconto e se o preço calculado deve ser arredondado.

Para completar, com Omie você consegue garantir que a segurança das condições comerciais previamente estabelecidas sejam respeitadas, pois é possível definir que o vendedor não consiga alterar o preço de venda caso já exista alguma tabela de preço específica para aquele produto. Saiba mais sobre tabela de preços com sistema Omie e otimize essa tarefa hoje mesmo!

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
entenda o que é danfe
Se você ainda precisa entender o que é DANFE e qual a sua importância, confira aqui neste texto.
Mulher apresentando demonstrações financeiras
Entenda o que são e como analisar corretamente as demonstrações financeiras do seu negócio.
tarifa de boletos bancários
Descubra como funcionam as tarifas de boletos bancários e quais são os valores e conheça soluções para otimizar este custo.