5 vantagens da contabilidade gerencial

Saiba o que é contabilidade gerencial e descubra o papel do contador em sua implementação.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

Uma das bases para que um negócio seja bem-sucedido é a utilização da contabilidade gerencial. Além de envolver a contabilidade financeira, ela permite uma análise completa e detalhada da situação da companhia com base em dados e métodos seguros.

Para ajudar em todo esse processo, o papel do contador é fundamental. Afinal, ele é quem possui experiência e conhecimento sobre o assunto, operando a contabilidade e direcionando as ações. Com esse suporte, os gestores podem avaliar todo o cenário dos negócios e tomar as melhores decisões.

Nesse artigo, vamos abordar 5 vantagens em utilizar a contabilidade gerencial nas empresas, mostrando a importância que essa área tem e como o contador pode apoiar os clientes com os seus serviços. Boa leitura!

banner cta contador

 

O que é contabilidade gerencial?

A contabilidade gerencial é um conjunto de ações e procedimentos contábeis que, além de realizar as operações financeiras, reúnem dados sobre a gestão da empresa. Isso facilita a tomada de decisão por parte dos gestores.

Tais dados podem ser analisados junto a outras informações financeiras, como orçamento e custos, favorecendo outros processos, como a precificação de produtos e serviços e as metas a serem alcançadas.

Além disso, com essas informações gerenciais é possível comparar a empresa com os dados de mercado e de outros negócios. Assim, os gestores têm um panorama mais definido, o que pode gerar ações para aproveitar oportunidades ou mitigar ameaças identificadas.

Uma das vantagens de ter todos esses dados é poder identificar melhorias tanto em processos da empresa quanto em sistemas e ferramentas gerenciais que podem melhorar e automatizar as áreas. Além disso, é possível utilizar as informações para gerar previsões e identificar tendências para ações futuras da empresa.

Em tudo isso, o contador gerencial atua como produtor de informações relevantes para a companhia, saindo do básico. Isso porque sua função é analisar os dados e identificar o que é importante para a gestão dos negócios.

A importância da contabilidade gerencial

A contabilidade gerencial permite uma avaliação clara e precisa da situação da empresa, pois analisa um conjunto de dados, não apenas números e indicadores isolados. Isso é relevante porque evita que opiniões sejam formadas incorretamente, ou mesmo que decisões sejam tomadas de forma equivocada.

Por exemplo, nem sempre uma porcentagem de lucro pequena no final do ano é um mau sinal. Se o gestor apenas olhar para esse número, poderá achar que os preços devem ser revistos ou mesmo que algum processo de produção está incorreto.

Aplicando a contabilidade gerencial, o contador analisa que essa baixa margem se deve a altos investimentos realizados pela empresa que trarão melhores resultados no período seguinte.

Logo, não é preciso tomar nenhuma ação sobre esse número, apenas continuar acompanhando sua evolução, para monitorar se tudo está correndo dentro do previsto.

Ferramenta de suporte do gestor

A contabilidade gerencial na verdade é uma ferramenta de suporte, que traduz e consolida diversos números gerados por vários relatórios e cálculos. Estes, quando analisados separadamente, trazem uma posição da empresa. Quando vistos em conjunto, apontam o verdadeiro caminho a seguir.

Nesse contexto, o contador é um dos responsáveis por analisar e interpretar todos os dados, pois possui o conhecimento necessário para isso e sabe realizar os processos para obter as devidas respostas.

O papel do contador

A área financeira e contábil pode ser complicada para muitas pessoas. O contador é essencial para traduzir, de forma simples e trazendo os insights esperados, o que os diversos números querem dizer.

Com base em tudo isso, os gestores poderão tomar melhores decisões, com mais confiança sobre todos os dados apresentados. A consequência é o crescimento e o desenvolvimento da empresa, que possui um caminho bem definido e rumo ao sucesso.

Entenda a diferença entre contabilidade gerencial e financeira

Ambas tratam da parte econômica da empresa, mas existe uma diferença entre esses dois conceitos de contabilidade. Como vimos, a contabilidade gerencial trata de dados que possam ser utilizados pela gestão, para tomar melhores decisões.

Esse processo permite uma gestão com mais qualidade e eficiência, permitindo uma visão mais clara da situação atual da companhia e do que deve ser feito para alcançar os objetivos propostos.

Por outro lado, a contabilidade financeira trata das operações cotidianas desse setor, lidando com o pagamento de impostos, com a redução dos custos e despesas, além de acompanhar e aplicar a legislação tributária para manter os negócios em conformidade com as leis vigentes.

As duas se complementam e ambas devem ser aplicadas para que os resultados sejam potencializados, principalmente no longo prazo.

5 vantagens da contabilidade gerencial

Agora que você já conhece a importância de investir em uma contabilidade gerencial eficiente, vamos trazer mais algumas vantagens. Confira:

1. Gestão mais eficiente

Quando se sabe aonde vai, é muito mais fácil tomar decisões acertadas e conduzir a empresa por caminhos coerentes. É isto o que a contabilidade gerencial faz: mostra o local atual da instituição e quais caminhos podem ser seguidos.

A partir desses números, os gestores podem otimizar a gestão, investindo tempo e recurso nos melhores locais, para gerar os melhores resultados.

2. Apoio para tomada de decisão

É preciso ter dados coerentes para tomar boas decisões e é justamente isso o que a contabilidade gerencial proporciona. Nenhuma empresa cresce e se sustenta no longo prazo com decisões que não levam em conta dados sólidos e conhecimento técnico.

Para que os riscos sejam minimizados e as chances de sucesso nas escolhas sejam potencializadas, é preciso ter segurança no processo decisório.

3. Melhor controle financeiro

Gerenciar bem os recursos é impossível sem uma visão completa da empresa, porque muitas vezes alguma falta ou excesso não é identificado facilmente, evitando que ações sejam tomadas para corrigir o que é preciso.

Como a contabilidade gerencial oferece essa visão integrada dos processos, ajuda no gerenciamento dos recursos empresariais com foco e agilidade. Outro ponto é que essa ferramenta pode ajudar a identificar tendências e gerar previsões de mercado.

Assim, a companhia pode se preparar para o futuro, evitando surpresas desagradáveis ao longo do tempo.

4. Redução de custos

A ideia não é apenas diminuir as despesas da instituição simplesmente, mas entender a melhor forma de alocar os recursos para potencializar os resultados futuros. A contabilidade gerencial permite uma análise mais detalhada e apurada de todos os custos, facilitando as decisões dos gestores sobre o que deve ser feito com as receitas.

5. Aumento da produtividade

Os dados corretos e bem interpretados permitem que os gestores tomem decisões mais coerentes com o momento atual da empresa. Por exemplo, os números podem indicar que é melhor investir em um maquinário agora, mesmo que o valor seja expressivo, para gerar mais resultados no futuro.

Essa nova máquina, além de gerar mais valor para a empresa, também irá facilitar o trabalho dos colaboradores, que renderão mais, com o mesmo tempo de serviço. Assim, a produtividade aumentará e todos sairão ganhando.

Invista em contabilidade gerencial

A contabilidade gerencial permite uma visão ampla da situação da empresa, gerando melhores insights para decisões mais eficientes. É muito importante que o contador esteja envolvido nesse processo, pois é o profissional capacitado para consolidar e interpretar os dados de forma correta.

Empreender é um caminho repleto de desafios. O dia a dia torna-se mais fácil ao contar com colaborações e parceiros que auxiliem seu negócio nas tarefas, com precisão e visão personalizada. É o caso da contabilidade gerencial, área de expertise que, somada à liderança e à atuação do gestor, permite potencializar os resultados.

A tecnologia é uma grande aliada nesse contexto. Cada vez mais gestores têm investido em ferramentas práticas que permitem ganhar tempo e focar no que realmente importa – o olhar estratégico para o todo. Tendo conhecido as vantagens, saiba como colocar em prática a contabilidade gerencial. Confira este e outros assuntos no Blog Omie e transforme sua atuação hoje mesmo!

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
Código CST: pessoa com papel, caneta e notebook
O código CST, um dos mais utilizados por empreendedores, deve ser incluído na emissão da nota fiscal e serve para
SEFAZ: mulher com dedos das mãos cruzados
Afinal, o que é SEFAZ? Entenda como esse órgão se relaciona com os seus negócios.
Conheça a origem, os princípios e o objetivo da contabilidade nas empresas, entendendo como o profissional contábil atua diretamente nos