Antecipação de recebíveis: o que é e como fazer?

Veja como o adiantamento de títulos pode ser a solução que sua empresa estava precisando para obter crédito de maneira fácil e rápida

07/Ago/2020
Finanças

Abrir uma empresa é algo que demanda planejamento financeiro e estratégico, conhecimento em gestão, muito estudo e, claro, capital. 

 

Muitas vezes o capital de giro reservado para abertura do negócio acaba não sendo suficiente para manter a operação ou fazer melhorias necessárias, e é neste momento que muitos empresários recorrem a empréstimos bancários, que podem significar juros altos e muita burocracia.

 

Essa necessidade pode acontecer por diversos motivos: problema nas vendas, erros de planejamento, abertura de concorrentes e até mesmo em consequência a períodos de sazonalidade.

 

Esse é o momento que o empresário busca linhas de crédito acessíveis para resolver os problemas nas finanças empresariais, como atrasar o pagamento da fatura do cartão de crédito da empresa, fazer uso de cheque especial ou buscar financiamentos.

 

Mas, para alguns, a opção de recorrer a linhas de crédito no início da jornada pode ser uma jogada de alto risco, então, que direção seguir?

 

O primeiro caminho é o mais doloroso: o empreendedor castigado pelo cenário econômico atual, acaba deixando o plano de expandir sua empresa guardado na gaveta. Como consequência, o negócio permanece estagnado, sem se manter competitivo e sem um crescimento efetivo. 

 

Se manter estagnado em um país onde os impostos aumentam progressivamente e a criação de novas empresas é constante, torna-se um facilitador para a concorrência.

 

O segundo caminho é: buscar alternativas seguras para conseguir dar continuidade aos objetivos do negócio e manter o crescimento sustentável da empresa.

 

É neste momento que a antecipação de recebíveis se torna uma opção. Ela pode ser uma alternativa viável para pagar as contas a curto prazo e fugir desse cenário de juros abusivos e altas exigências burocráticas, dando o fôlego necessário para expandir os negócios.

O que é antecipação de recebíveis?

 

De forma simples, antecipação - ou adiantamento - de recebíveis é antecipar dinheiro futuro em dinheiro presente. É transformar duplicatas de venda a prazo, vendas parceladas no cartão de crédito ou mesmo em cheques pré-datados de clientes em capital de giro para que assim seja possível quitar as contas atuais.

 

Supondo que você tenha um comércio e realize vendas no cartão de crédito em dez parcelas, esse parcelamento pode resultar em um gap no seu fluxo de caixa e te deixar sem capital de giro para pagar as recorrências da empresa naquele período.

 

Com a antecipação de recebíveis você pode obter de uma só vez todas as parcelas pagas pelo cliente e regularizar as contas pendentes.

 

Lembramos que essa é uma alternativa a curto prazo, que ajuda a manter as despesas em uma situação de urgência e que deve ser realizada de forma estratégica para não se tornar, lá na frente, um problema maior do que o atual.

Como escolher entre antecipação de recebíveis ou empréstimo?

 

Antes de escolher, é importante conhecer bem as duas práticas. 

 

Já explicamos anteriormente que antecipação de recebíveis é quando você antecipa o recebimento de capital que é da própria empresa, isto é, troca recebíveis futuros por dinheiro, aumentando e dando margem para o fluxo de caixa.

 

Vale ressaltar que este valor, mesmo sendo um patrimônio da empresa, sofre com a cobrança de taxas para ser resgatado antecipadamente, isto é, a antecipação de recebíveis gera juros, que são cobrados pelas instituições realizadoras dos adiantamentos.

 

Já o empréstimo bancário, de acordo com o Banco do Brasil, é um contrato entre o cliente e a instituição financeira pelo qual o primeiro recebe uma quantia que deverá ser devolvida ao banco em prazo determinado, acrescida dos juros acertados. 

 

Os recursos obtidos no empréstimo não têm destinação específica e podem ser pagos em uma única vez ou de forma parcelada.

 

Para determinar qual das duas formas é mais vantajosa para o empresário, é importante que este realize todos os cálculos necessários e veja qual das duas taxas é a mais vantajosa para o seu negócio. 

 

Geralmente, os valores a serem pagos pela antecipação de recebíveis são mais compensadores e atraentes do que aqueles pagos às financiadoras de crédito.

 

Mas, se o empresário não tem uma quantia de contas a receber atraente, acaba ficando com poucas alternativas no mercado e acaba optando pelo empréstimo bancário, pagando juros maiores e operando com maior risco ao seu negócio. 

As vantagens de fazer antecipação de recebíveis

A antecipação de recebíveis tem ganhado espaço entre as modalidades de crédito no Brasil. 

 

De acordo com os últimos dados do Banco Central (BC), em novembro de 2019, esta foi a linha de crédito empresarial que mais cresceu no país, totalizando um volume de R$ 95,72 bilhões em recursos, o que representa alta de 31,6% em relação ao mesmo período de 2018.

 

Vamos conhecer algumas vantagens dessa modalidade:

Cobre imprevistos

 

Se surgir um imprevisto e a sua empresa precisar lidar com problemas inesperados que podem afetar diretamente o seu fluxo de caixa, essa modalidade pode ser uma boa opção, pois você consegue receber antecipadamente valores que já são seus e que te ajudarão a equilibrar o negócio.

 

Evita empréstimos

 

Ter valores para receber pode te ajudar numa situação emergencial sem precisar recorrer a bancos e facilitadoras de crédito. Além da rapidez na liberação do recurso, você evita expor seu negócio a dívidas, juros altos e a recursos que não são seus.

 

Facilita as negociações

 

Com a antecipação de recebíveis você consegue dar um alívio para o seu fluxo de caixa e a consequência disso é que, com capital disponível, você pode obter melhores margens para negociações com fornecedores e clientes.  

 

Conserva a saúde financeira do seu negócio

 

Ao antecipar um valor que é seu por direito, você preserva a saúde do seu negócio, pois não acumula dívidas nem empréstimos, isto é, não obtém recursos de terceiros.

 

Importante: como usar o adiantamento dos recebíveis?

 

Lembre-se de um ponto muito importante a se pensar e ter muito claro em mente na hora de tomar a decisão por antecipar recebíveis: qual será o plano para este dinheiro?

 

Como esse recurso será utilizado? Quitação de uma dívida, pagamento de contas  funcionários, aquisição de novas máquinas ou compra de suprimentos? 

 

Qualquer alternativa é válida, porém precisa ser planejada e calculada corretamente para evitar qualquer falha na saúde financeira da sua empresa. 

 

Por isso, realize um bom planejamento financeiro antes de tomar qualquer tipo de crédito, seja empréstimo ou adiantamento de recebíveis. 

 

Faça projeções do seu caixa para os meses seguintes, a curto, médio e longo prazo, para se certificar de que esse dinheiro antecipado realmente não fará falta para a empresa e acabar gerando uma dor de cabeça desnecessária.   

Como fazer antecipação de recebíveis?

 

Antes de fazer a antecipação de recebíveis é imprescindível que sua empresa tenha uma vida financeira organizada. Isso porque, ao ter total controle da empresa, o empreendedor tem mais chances de tomar decisões acertadas. 

 

Ele desliga o “chutômetro” e age com base em dados, tornando sua gestão madura, abrindo espaço para o crescimento e criando vantagem competitiva.

 

Para isso, é muito importante que a empresa tenha um sistema de gestão que traga total controle sobre os seus processos de forma integrada e permita o acompanhamento por meio de relatórios funcionais. 

 

Ou seja, ao invés de gerenciar diversas planilhas e arquivos, o empreendedor passa a gerenciar o negócio de fato.

 

Com um ERP online, é possível visualizar de forma rápida e segura como está a saúde financeira da sua empresa e, assim, tomar a decisão de fazer um empréstimo ou solicitar a antecipação de recebíveis para ganhar fôlego e realizar novos investimentos.

 

Com Omie você consegue fazer essa movimentação com simplicidade, rapidez e com uma das melhores taxas do mercado, tudo direto da sua plataforma de gestão.

 

Essa possibilidade nasceu da parceria que a Omie fez com a fintech Weel, plataforma especializada na antecipação de recebíveis. O processo é 100% integrado, seguro e sem burocracias, o que gera muito mais tranquilidade e praticidade para os empresários que desejam utilizar deste tipo de recurso.

 

O nosso principal objetivo é facilitar o dia a dia de gestores financeiros e empreendedores de pequenos e médios negócios, oferecendo importantes benefícios para que tenham total controle sobre o seu fluxo de caixa e para que consigam se destacar no mercado.

 

Quer saber mais? Converse com um de nossos consultores e experimente grátis!


Receba as novidades

Assine nossa newsletter

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas

Posts Relacionados

Artigos por autor

Receba as novidades

Receba as novidades

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas