Gestão de pequenas empresas com 8 ferramentas indispensáveis

Conheça 8 ferramentas indispensáveis para a gestão de pequenas empresas e saiba como elas podem ajudar o seu negócio a ir mais longe

26/Jul/2022
Gestão

Ter o próprio negócio é o sonho de muita gente, e,  embora seja um objetivo totalmente possível, empreender também é uma tarefa desafiadora – afinal, a gestão de pequenas empresas exige conhecimento em múltiplas áreas e controle eficiente de cada processo. 

Entretanto, algumas tecnologias aumentam a produtividade e podem facilitar o dia a dia de quem empreende, organizar a casa e ajudar a reduzir custos. 

Criamos, a seguir, uma lista com 8 ferramentas para gestão de pequenas empresas que irão te ajudar a tornar mais rápido, assertivo e eficiente o acompanhamento do crescimento do seu negócio. Continue lendo e confira!

8 ferramentas de gestão de pequenas empresas que vão facilitar a sua rotina

Se você está à frente de um empreendimento, saiba que este artigo foi feito especialmente para te ajudar a tornar a gestão da empresa mais simples e ágil. Vamos passar por sistemas que resolvem várias das pequenas “dores” corporativas da rotina de um pequeno empreendedor. 

A lista de ferramentas de gestão inclui: 

  1. Google Drive
  2. Google Agenda
  3. Google Trends
  4. Asana
  5. Trello
  6. Slack
  7. Notion
  8. Omie

São ferramentas para empreendedores que buscam soluções para questões relativas aos seus processos, que melhoram a comunicação interna e atendem a outras necessidades do dia a dia. 

1. Google Drive 

Sim, parece óbvio, mas não é! O Google Drive abre nossa lista de ferramentas de gestão empresarial mais utilizadas. 

Por ser gratuito, ele é uma excelente opção para quem está começando e precisa de recursos para gerenciar a colaboração entre membros e clientes. 

A ferramenta permite compartilhamento de documentos e planilhas pelo simples uso de e-mail. 

Além disso, é possível usar o Drive para produção dos trabalhos mesmo offline. Assim que estiver conectado novamente, suas alterações estarão salvas. 

2. Google Agenda 

Ainda seguindo no ritmo de aproveitar os recursos que a Google oferece, o Google Agenda aparece como uma importante ferramenta para organizar o dia a dia de toda a equipe

Especialmente em tempos de trabalho remoto, é importante ter uma ferramenta de uso simples em que as pessoas consigam agendar reuniões e consultar a agenda dos colegas sem grandes burocracias pelo caminho, não é mesmo? 

3. Google Trends 

Mais um produto do Google que vem para a nossa lista de ferramentas para empreendedores é o Google Trends. 

Afinal, um dos principais desafios da gestão de pequenas empresas é alavancar o negócio e fazer com que ele cresça e seja sustentável. Por isso, que tal aproveitar o Google Trends para descobrir quais são os termos que andam em alta nas buscas feitas pelos usuários? 

Essa informação pode ser uma importante aliada para quem quer produzir conteúdo e se destacar nas mídias sociais ou a partir do seu próprio site, por exemplo. 

4. Asana 

Além de manter o controle de custos, rotina, informações de clientes, comunicação interna e outros pontos, fazer a gestão de pequenas empresas também exige um bom controle das tarefas e projetos. 

Existem ferramentas disponíveis para que todos os membros da equipe possam acompanhar de perto a gestão dos projetos. Entre elas, a Asana é uma boa alternativa. 

Com esse sistema de gerenciamento de tarefas, você pode dar visibilidade aos prazos e atividades de um projeto, criar fluxos de trabalho personalizados para cada etapa e acompanhar o que já foi feito e as pendências. Além disso, a Asana conta com a possibilidade de integração de ferramentas, tornando os processos ainda mais fluidos. Por exemplo:

Uma funcionalidade muito relevante que acaba reduzindo atividades manuais e replicando a mesma informação em múltiplos canais. Isso evita retrabalho da equipe e faz com que todos ganhem em agilidade. 

5. Trello 

É bem possível que você já tenha ouvido falar no Trello, que figura na lista de ferramentas de gestão mais utilizadas e conhecidas no mundo. 

O primeiro ponto positivo é que a versão gratuita do Trello já traz várias soluções interessantes para um controle efetivo de tarefas. 

Com visual moderno e de simples entendimento, a plataforma possibilita que os usuários criem "cards" com as informações sobre cada tarefa e arrastem esses quadros pelas colunas, conforme a atividade avança ou é concluída

Da mesma forma, é possível integrar o Trello com outras ferramentas para uma gestão eficiente e sem perder informações. Conheça mais sobre esse recurso para a gestão de pequenas empresas no vídeo abaixo:

6. Slack

Para fazer uma excelente gestão de empresas, assegurar que a comunicação interna esteja em dia é essencial. O grande erro de muitas empresas, independentemente do porte, é deixar essa ponta solta. 

Portanto, tenha em mente que equipe com bom relacionamento interpessoal, em que todos estejam bem informados e alinhados sobre o planejamento estratégico, os objetivos e as necessidades do negócio, é um fator-chave para o sucesso. 

Nesse sentido, o Slack aparece como uma das ferramentas de gestão mais bem indicadas para agilizar a interação entre os membros do time. Trata-se de uma ferramenta de mensagens em que é possível realizar conversas privadas ou em grupo. 

Além de permitir a integração com outras ferramentas, como o Google Agenda, por exemplo, o Slack possibilita a criação de "canais" por tópicos de interesse e é gratuito, além de muito simples e intuitivo. 

7. Notion 

O Notion já deve ter aparecido para você como um bom aliado na organização de tarefas

O interessante é que, apesar de muita gente usar seus recursos para a vida pessoal, também é um sistema que oferece múltiplas possibilidades para empreendedores. 

Isso porque ele contempla recursos como agenda, calendário, lista de tarefas, tabelas, espaço para armazenamento de conteúdo, criação de texto, entre outros. 

Um ponto importante é que o sistema oferece a versão web e mobile. Assim, você e seu time podem acessar suas informações a qualquer momento, de qualquer lugar. 

Prático, não é mesmo? 

A lista de possibilidades do Notion é extensa e é importante saber que, assim como outras ferramentas de gestão de pequenas empresas que listamos aqui, o Notion possibilita a integração com outros sistemas.

O único ponto de atenção é que, embora ofereça uma versão gratuita, ela é mais indicada para a organização pessoal, e não de empresas. 

8. Omie ERP 

Ter um bom software ERP é um grande desafio, especialmente quando se trata da gestão de pequenas empresas. Foi para isso que surgiu o Omie, um ERP desenhado para auxiliar a rotina de negócios de diversos segmentos. 

Omie existe para descomplicar a gestão das empresas. Portanto, ações como recebimentos e pagamentos, emissão de guias, contratos a renovar, previsão de faturamento, entre outras tarefas, podem ser todas geridas a partir da ferramenta. 

Assim, o software ERP desenvolvido pela Omie otimiza os processos internos, dá mais produtividade à operação do negócio e, consequentemente, concentra informações relevantes em um mesmo ambiente. 

Além disso, a Omie oferece também um módulo de CRM, o que deixa os processos de vendas e gestão ainda mais alinhados. Com CRM e ERP integrados, você pode, por exemplo:

Ter clareza sobre estes dados ajuda na tomada de decisão e definição de objetivos do planejamento estratégico, contribuindo diretamente para a gestão de pequenas empresas que buscam crescer. 

Organização para fazer uma boa gestão de pequenas empresas 

Agora que você já conhece excelentes opções de ferramentas para empreendedores e compreende a importância da integração de ferramentas, vale uma última reflexão. 

Manter uma empresa ativa no Brasil não é uma missão simples. Mais de 60% dos negócios fecham em até cinco anos – e o principal motivo é a falta de uma operação organizada dos processos internos. 

Por isso, a gestão de pequenas empresas deve ser levada a sério: escolher boas ferramentas, manter os dados integrados e ter um bom software ERP que atenda às necessidades do seu nicho de mercado são boas práticas para conseguir estabelecer um bom controle das atividades.

Tudo isso deverá oferecer dados para traçar um planejamento estratégico de curto e longo prazo, deixando claro onde sua empresa deseja chegar e quais são os passos que deverá percorrer para alcançar esta meta. 

Lembre-se também de que você pode aproveitar muito mais as ferramentas de gestão de pequenas empresas se trabalhar com elas em conjunto, trocando informações e contribuindo para a eficiência de cada uma.

A integração de ferramentas permite um fluxo de trabalho fluido e automatiza tarefas manuais repetitivas, como, por exemplo, preenchimento de planilhas ou emissão de notas fiscais. 

Algumas possibilidades de integração interessantes: assim que uma tarefa é adicionada na Asana, é criado um evento no Google Agenda para a equipe responsável. Outra solução: quando um card for movido de uma lista do Asana, toda a equipe responsável pelo projeto receberá esta informação em um canal na ferramenta. Não fica muito mais fácil gerir o dia a dia dessa forma?

Esperamos ter te ajudado com dicas para melhorar a gestão da sua pequena empresa, em busca de melhores resultados. Escolha seu próprio conjunto de ferramentas e mãos na massa!

Este post foi escrito por Diego Minone, CMO da Pluga – empresa líder em integração de ferramentas web e automatização de processos que elimina tarefas manuais e chatas da sua empresa e aumenta a produtividade (sem escrever uma única linha de código).

Receba as novidades

Assine nossa newsletter

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas

Posts Relacionados

Artigos por autor

Receba as novidades

Receba as novidades

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas