Contador Consultor – Ser ou não ser, eis a questão

Quando você pensa em contador que tipo de atividades imagina que ele faça? Escriturações fiscais, pagamento de tributos, imposto de renda, um monte de planilhas e coisas do tipo. Mas este cara vai muito além destas tarefas.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

O futuro da contabilidade é assunto do momento. Alguns dizem que o profissional vai deixar de existir, vai ser mais uma vítima do progresso que acabou com os datilógrafos.

Eu prefiro dizer que este profissional vai ser tornar o que está se chamando de contador consultor, e este termo não poderia estar tão correto. Porque sim, a contabilidade é uma ciência e quando seus dados são extraídos, ela tem um enorme potencial de realizar um trabalho de consultoria para seus clientes.

Leia mais no artigo Contabilidade consultiva existe?

Mas por que ser um contador consultor?

Na verdade, você não é obrigado a ser.

Mas, ser um contador consultor pode gerar muitos benefícios para os seus clientes, afinal cada um dos seus clientes, tem uma dor específica em seu negócio. Talvez ele não expresse para você, mas precisa de auxílio para resolver estas questões. É aí que surge a oportunidade de fidelizar e aumentar ainda mais a sua base de clientes.

Independente do setor que a consultoria irá atuar, ela é o mecanismo onde realmente você poderá ajudar o seu cliente na necessidade dele, seja momentaneamente ou de forma recorrente.

Seguindo este raciocínio, existe mais um ponto muito interessante: a partir do momento em que o contador se relaciona mais com o próprio cliente no intuito de prestar uma consultoria adequada e assertiva, irá descobrir outros gargalos ou outras dores que também vão ser pontos onde ele vai poder ajudar.

Isso representa novas oportunidades para atuação do contador. Ou seja, este é um trabalho que pode ser contínuo.

E como iniciar?

O primeiro passo que te recomendo é fazer um estudo de campo com os seus clientes atuais. Você pode fazer isso em um almoço com um cliente que se identifica mais. Mas o que eu falo para ele? Nada específico, só converse com ele, descubra a rotina do empreendimento dele mais a fundo, quais os principais desafios que ele anda tendo e o que o está impedindo de crescer ainda mais?

Assim você poderá, junto com ele, criar estratégias para solucionar os problemas dele. É nessa hora que você avalia a viabilidade de implantação da sua solução e o impacto dela, para poder precificar.

Garanto que irá se surpreender com demandas de serviços e produtos que você tem total condição de oferecer!

Resumindo, ser um contador consultor pode trazer novas formas de receita para sua empresa e a de seu cliente, gerar valor em sua profissão e, obviamente, fidelizando seus clientes, pois de fato você estará resolvendo problemas!

Mão na massa e boas vendas!

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
Simples Nacional
Descubra se o Simples Nacional é para sua empresa e quais obrigações surgem ao adotar esse modelo. E mais: o
painel do contador
Saiba o que é o Painel do Contador, como ele funciona na prática e a quais módulos do sistema Omie
Modelo de proposta comercial
Um modelo de proposta comercial bem elaborado pode fazer toda a diferença na hora de fechar um contrato e demonstrar