O Que é UX? Entenda o conceito e as vantagens para as empresas

Conheça o conceito de UX e seus elementos fundamentais e entenda como colocá-lo em prática com este guia.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

Se você já se perguntou o que é UX, saiba que se trata de um termo que se tornou muito popular nos últimos anos e um conhecimento indispensável para empresas que desejam proporcionar mais satisfação a seus clientes. 

Por meio de técnicas e estratégias, o UX garante que os consumidores tenham a melhor interação possível com uma marca, independentemente do meio usado — online ou offline. 

Conheça o conceito de UX em detalhes, seus componentes e como colocá-lo em prática a seguir. 

O que é UX (User Experience)?

UX, ou User Experience (Experiência do Usuário), é uma estratégia que se concentra em criar uma experiência positiva e satisfatória para o usuário durante sua interação com o produto ou serviço, seja ele digital ou físico. 

Esse conceito envolve vários aspectos, incluindo design, usabilidade, funcionalidade e até mesmo aspectos emocionais que mobilizam a satisfação do usuário. 

O objetivo é garantir que a interação do usuário com o produto da marca seja a mais agradável e fluida possível, sem dificuldades ou barreiras. 

Como a UX funciona na prática?

A prática da UX envolve várias etapas e processos que visam melhorar a experiência do usuário na hora de interagir com um produto, serviço, site ou aplicativo. Algumas das principais atividades envolvidas na implementação da UX na prática são:

  • Pesquisa de usuário: entender quem é o público-alvo, suas necessidades, objetivos e desafios para personalizar a experiência; 
  • Desenvolver a estrutura e o layout da interface do produto;
  • Garantir que o design seja intuitivo, acessível e agradável esteticamente; 
  • Observar como os usuários interagem com o produto e se eles conseguem realizar tarefas com facilidade.
  • Monitorar o desempenho do produto após o lançamento e coletar feedback dos usuários.

A aplicação de UX na prática pode variar dependendo do tipo de projeto, mas o objetivo principal é sempre melhorar uma experiência de compra ou navegação, garantindo que o produto atenda às necessidades e expectativas dos usuários, seja fácil de usar e proporcione satisfação.  

Qual a diferença entre UI e UX?

UI (User Interface — Interface do Usuário) diz respeito ao aspecto visual e à aparência de um produto. Isso envolve elementos de design como botões, menus, ícones, cores, tipografia e layout.

Assim, o UI se concentra na estética, na organização visual e na interação direta do usuário com os elementos da interface.

Já UX (Experiência do Usuário) aborda a experiência geral do usuário ao interagir com um produto digital, indo além de sua interface visual. Por isso, ele compreende o mapeamento de necessidades e objetivos do usuário, a usabilidade, a acessibilidade e a eficácia do produto em atender a essas necessidades.

Em linhas gerais, o UX foca em proporcionar uma interação positiva, eficaz e satisfatória ao usuário durante toda a interação com um produto, bem como nos elementos que precisam ser melhorados para que isso aconteça. 

Componentes Importantes da Experiência do Usuário

A experiência do usuário é composta por vários componentes que juntos definem como um usuário se sente e interage com um produto, serviço, site ou aplicativo. Os principais aspectos são: 

  • Usabilidade: se refere à facilidade com que os usuários podem realizar tarefas e interagir com o produto, como atingir seus objetivos de forma rápida e sem frustração; 
  • Acessibilidade: é a capacidade do produto em ser utilizado por pessoas com diferentes habilidades e necessidades, incluindo aquelas com deficiências visuais, auditivas, motoras, cognitivas, entre outras;
  • Desempenho: envolve a velocidade e a responsividade do produto;
  • Confiabilidade: o fato de um produto funcionar sem falhas e erros;
  • Conteúdo: deve ser relevante, informativo e apresentado de forma clara. O conteúdo mal organizado ou confuso pode dificultar a compreensão e a navegação;
  • Estética: a aparência visual do produto, incluindo o design gráfico, cores, tipografia e layout, contribui para a impressão geral do usuário. 
  • Utilidade: por fim, o produto é lindo e intuitivo, mas ele entrega o que era esperado pelo cliente? Esse é um ponto chave que deve nortear tanto a estrutura quanto o conteúdo do item em questão. 

Vantagens da UX para os resultados da empresa 

Investir em uma boa experiência do usuário pode trazer vantagens tangíveis para os resultados de uma empresa. Alguns benefícios incluem: 

  • Retenção de consumidores;
  • Aquisição de novos clientes por meio de recomendações boca a boca e avaliações positivas;
  • Oferta de vantagem competitiva e diferencial diante dos concorrentes; 
  • Maior eficiência e menos problemas com o suporte, já que os produtos são projetados para serem funcionais e fáceis de usar; 
  • Redução das taxas de abandono e aumento das conversões; 
  • Melhora da satisfação do cliente
  • Fortalecimento do nome da marca no mercado. 

Como Melhorar a Experiência do Usuário?

Melhorar a experiência do usuário requer um esforço contínuo e uma abordagem centrada no usuário. 

Aqui estão algumas etapas que podem ajudar a fazer melhorias centradas nesse princípio na prática: 

  • Faça uma pesquisa aprofundada para entender as necessidades, desejos, comportamentos e preferências de seu público-alvo. 
  • Conte com usuários reais para fazer testes de usabilidade e identificar problemas na interface e na usabilidade do produto;
  • Simplifique a navegação em todos os pontos; 
  • Invista em um design responsivo e acessível;
  • Melhore o desempenho do seu site ou aplicativo; 
  • Prefira um layout limpo e atraente — tenha uma paleta de cores agradável, tipografia legível e elementos visuais interessantes;
  • Ofereça opções de personalização, quando apropriado, para permitir que os usuários adaptem a experiência às suas preferências individuais;
  • Certifique-se de que o conteúdo seja relevante, conciso e bem organizado. Forneça informações úteis e que agreguem valor à jornada do seu usuário;
  • Use métricas e análises para avaliar o desempenho da UX;
  • Acompanhe indicadores continuamente para saber o que precisa ser ajustado/melhorado. 

Lembre-se de que a melhoria da experiência do usuário não é apenas uma tarefa única, mas um compromisso contínuo com a satisfação do usuário. À medida que a tecnologia evolui e as necessidades dos usuários mudam, é importante assegurar que suas práticas de UX sejam atualizadas. 

Outras dúvidas relacionadas a esse tema

Confira mais informações sobre UX e tire suas dúvidas!

O que faz uma pessoa de UX?

Um UX Designer é um profissional especializado no tema e responsável por estudar melhorias nos pontos de contato com os cliente e implementar as boas práticas que aprimorem a experiência. 

O que é UX exemplo?

Um exemplo de UX é um site que é responsivo e se adapta às diferentes telas de dispositivos móveis variados. Outro exemplo pode ser um e-commerce que oferece várias de devolução de um produto, dando ao cliente opções de entregar em postos de coleta variados ou de agendar uma coleta domiciliar. 

Quais são as áreas de UX?  

UX é um campo de conhecimento e prática amplo, que pode envolver áreas como:

  • UX Research (foco em pesquisa);
  • UX Developer (foco em desenvolvimento de soluções);
  • UX Writing (foco na escrita de conteúdo que preza a experiência); 
  • Product Design (foco no trabalho visual dos produtos); 
  • UX Strategy (foco no estudo da estratégia de negócios associado à experiência do usuário); 
  • Information Architecture (foco na estruturação de elementos e informações).  

Conte com a tecnologia para eliminar barreiras e potencializar a experiência do usuário 

Em plena era da experiência do usuário, o UX não é apenas uma tendência, mas um princípio fundamental que deve nortear a estratégia de uma empresa, visto que impacta diretamente seu sucesso e resultados. 

Como vimos, existem muitos elementos envolvidos em proporcionar interações positivas e significativas com uma marca. 

Grande parte da efetividade das ações de UX demandam processos operacionais mais inteligentes e eficazes, para eliminar barreiras de comunicação, dificuldades e burocracias que comprometem a boa experiência. 

Por isso, vale a pena contar com a tecnologia e a automação em diversas áreas do seu negócio para ter mais controle, rapidez e organização. 

Otimize a gestão do seu empreendimento para poder impulsionar a experiência do seu usuário. Experimente o sistema ERP da Omie e veja como ele agrega à eficiência operacional. 

Banner CTA

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
gestão financeira para MEI
Descubra a importância de uma gestão financeira para MEI para aumentar a eficiência do seu empreendimento. Aprenda como fazer e
Lean office
O Lean Office é uma metodologia que visa a aplicação dos princípios do Lean Manufacturing para reduzir o desperdício e
o que é qa e o que faz a área do quality
Revolucione a forma de gerenciar a qualidade na sua empresa. Descobrir o que é QA e como implementar pode ser