SFA: tudo que você precisa saber

Melhorar o processo de vendas é o objetivo de muitos negócios. Com quais ferramentas contar ao longo do processo? Saiba a importância do SFA.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

Tarefas repetitivas? Abordagens que não resultarão em uma venda? Tudo isso faz com que os vendedores percam um tempo valioso que poderia ser melhor aproveitado. Para solucionar questões como essas, existe o sistema SFA, capaz de gerar a automação de algumas das principais tarefas. 

O SFA auxilia empresas de diversos segmentos a organizarem e analisarem os processos de vendas, permitindo o aumento do faturamento com a obtenção de melhores resultados. Para entender mais sobre o assunto, siga com a leitura e entenda como esse tipo de aplicação pode melhorar suas vendas. 

banner cta empreendedor

O que é SFA – Automação da Força de Vendas?

SFA é a sigla para Sales Force Automation, em português, Automação da Força de Vendas, que é um sistema com foco na otimização e automação de processos repetitivos e burocráticos dos negócios. 

Em um cenário em que crescem as demandas para o setor de vendas, é necessário contar com uma tecnologia que melhore a performance da equipe e o relacionamento com clientes e prospects.

O sistema permite o mapeamento de processos ao envolver todos os setores e pessoas da rotina comercial, prezando pela entrega de benefícios. Alguns dos processos que podem ser mapeados pelo SFA são:

  • Controle de estoque e inventário;
  • Cadastro de clientes;
  • Envio de proposta;
  • Follow-up;
  • Fechamento de negociações;
  • Suporte pós-vendas.

O SFA fornece um suporte abrangente aos negócios e, por isso, é indispensável para aqueles que querem manter os processos organizados e observar de forma analítica os dados coletados. 

Quais as diferenças entre SFA e CRM?

É comum que o SFA seja apontado como similar ou concorrente do software de CRM (Customer Relationship Management). Apesar de se complementarem, os dois exercem funções diferentes e essenciais para a obtenção de resultados positivos no processo de vendas.

Enquanto o SFA está focado em analisar todo o processo de vendas e esforços realizados pelos vendedores, o CRM trabalha com foco no cliente. Se fôssemos resumir em poucas palavras, poderíamos afirmar que o CRM é sobre relacionamento com o cliente e o SFA é relativo a vendas. 

O CRM auxilia na construção de perfil dos consumidores. Este tipo de sistema é dotado de dashboards com dados valiosos sobre preferências e ações tomadas por clientes. Com esse tipo de informação em mãos, o time de vendas e marketing pode direcionar esforços para alcançar o público, separando argumentos e ofertas mais adequadas àquela clientela. 

Já o SFA auxilia na automação de tarefas que seriam feitas de forma manual. Ele se concentra na geração de leads, negociações e logística e é mais analítico ao mensurar o desempenho de cada vendedor e ajudar a colocar novas estratégias em prática. Algumas das funções que podem ser realizadas pela automação da força de vendas são: 

  • Envio automático da proposta de vendas;
  • Melhoria na comunicação entre filiais de um negócio;
  • Relatórios mensais de previsão de vendas;
  • Registro de despesas;
  • Consolidação de dados;
  • Controle de pedidos;
  • Notificações em datas comemorativas para lançamento de promoções e ofertas.

O SFA é responsável por apresentar um conjunto de recursos, que juntos auxiliam na otimização do processo de vendas. Quando utilizados em conjunto, o CRM e SFA podem tornar empresas com etapas de vendas mais organizadas e, consequentemente, mais lucrativas. 

Como funciona o Sistema de Automação da Força de Vendas?

Imagine um processo de vendas onde lançamentos de pedidos e controle sejam feitos de forma manual. Isso até pode dar certo com um microempreendedor, mas no momento em que um negócio começa a tomar maiores proporções, é preciso manter informações e gerenciamento em um único local. 

A automação da força de vendas torna o processo eficiente para toda a empresa, não só para vendedores, mas também para lideranças e gestores que precisam analisar os resultados de estratégias. 

O SFA pode ser integrado ao sistema ERP de um negócio, tornando ainda mais completa a gestão empresarial. A seguir, conheça de forma mais detalhada algumas das funcionalidades deste tipo de aplicação.

Gerenciamento de atividades e oportunidades

As etapas dos processos de vendas podem ser gerenciadas dentro da aplicação. Os vendedores e lideranças podem analisar as probabilidades de conversão enquanto negociações evoluem e novas ações sejam recomendadas pela própria inteligência artificial (IA) do sistema. 

Gerenciamento de contas e contatos

O SFA oferece uma visão completa e detalhada sobre cada negociação. Eles podem utilizá-lo para realizar a atualização de compromissos e tarefas, além de completar registros de chamadas e atribuir acompanhamento de contatos que necessitem de maior atenção para o fechamento de uma venda.

Gerenciamento de assinatura 

Em caso de vendas que envolvam o processo de assinatura de serviços, é possível ter controle de todo o processo, incluindo as finanças, operações e renovações com o cliente. 

Planejamento e desempenho de vendas

As atividades desempenhadas por todo o time de vendas podem ser analisadas para medir a eficácia das ações. Com isso, gerentes podem ser notificados sobre a necessidade de mudanças, treinamento de vendas e novas recomendações para reengajar os contatos novamente.

Capacidades móveis

Este tipo de aplicação permite que sejam adicionados recursos móveis, como um assistente digital que responde a comandos de voz ou texto para inserir dados de clientes e realizar o trabalho com maior rapidez. 

Vantagens de implementar o SFA nos processos de vendas 

São inúmeras as vantagens da automação da força de vendas. São benefícios entregues para o trabalho de rotina da equipe, gestores e lideranças, que impactam diretamente nos resultados obtidos ao longo dos períodos. Confira!

Maior produtividade

As diversas funcionalidades e possibilidade de integração com o ERP da empresa permite que etapas como buscas de contas e negociações sejam facilitadas, assim como todos os outros processos, como faturamento, despacho e entrega do pedido, quando necessário. 

Tudo isso permite uma maior produtividade da equipe e agilidade nas etapas que envolvem os processos de vendas de produtos e serviços.

Melhores recomendações relevantes

A utilização de IA permite que sejam feitas recomendações eficientes aos vendedores para a obtenção de melhores resultados ao longo de todas as etapas. Para isso, são utilizados de clientes reais.

Agilidade de acesso às informações

Com alguns cliques, ao integrar informações de um ERP e CRM, os colaboradores acessam informações importantes sobre clientes e prospects, otimizando as atividades e ações diárias. 

Dados para alimentar métricas importantes

Com a facilidade no uso do sistema, os vendedores podem aproveitar de dados para insights valiosos que auxiliarão em melhores tomadas de decisões. Assim, o pipeline de vendas pode ser melhorado ou redesenhado, a depender das necessidades encontradas. 

SFA: aplicação essencial para o processo de vendas

Ao longo do texto, chegamos a um ponto em que fica entendível a necessidade de um SFA para todo o processo de vendas. Afinal, para manter o crescimento e sustentabilidade de um negócio, é preciso que as etapas de vendas e relacionamento com os clientes estejam bem desenhadas e executadas. 

Neste contexto, a tecnologia entra com um braço direito para a melhoria dos resultados planejados e obtidos ao longo de um determinado prazo. Quer entender mais sobre assuntos relacionados com a área de vendas? Leia tudo sobre inside sales em nosso blog. 

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
Marketing para pet shop
Saiba como o marketing para pet shop pode transformar seu negócio no ramo. Dicas práticas e eficazes para melhorar a
A importância da gestão comercial
Saiba mais sobre a gestão comercial, como ela funciona, sua importância e porque o seu negócio deve adotar essa prática.
conheça os principais de indicadores de vendas
De leads a lucros: saiba como medir e melhorar seu desempenho com 8 indicadores de vendas.