Você conhece a missão, visão e valores da sua empresa?

Entender a missão, visão e valores da sua empresa pode trazer grandes benefícios. Veja como aplicar esses elementos tão importantes para qualquer negócio!
Navegação Rápida
Navegação Rápida

Saber exatamente a missão, visão e valores da sua empresa faz o seu negócio crescer e traz foco quanto ao seu posicionamento no mercado. Definir os elementos que fazem parte da identidade da empresa tem a ver com a otimização de lucros, mas não somente: saber quais caminhos percorrer e os valores que baseiam os serviços oferecidos é uma forma de fortalecer os seus alicerces.

Uma definição clara e concisa motiva gestores e colaboradores, criando relacionamentos profissionais mais empáticos e menos competitivos. Contribuir com a produção de uma empresa que sabe seus valores é uma qualidade almejada por muitos funcionários competentes.

Aprender a identificar e definir a missão, visão e valores da empresa pode ser um passo rumo à consolidação do seu negócio no mercado. Saiba diferenciar cada um desses itens e colocá-los em prática, evitando, inclusive, possíveis crises ou problemas internos e externos. Acompanhe o conteúdo a seguir. Boa leitura!

O que é missão, visão e valores de uma empresa?

Uma missão, uma visão clara e valores bem definidos é o que cria a identidade de uma organização. Esses pilares são cruciais para sustentar o negócio e atrair talentos, além, é claro, de consolidar o relacionamento com o cliente.

Nos dias atuais, em que as opções de serviços são grandes, os consumidores tendem a se fidelizar junto à empresas que sabem se posicionar claramente. Seja internamente, indicando quais as metas e objetivos centrais do empreendimento, seja no ambiente externo, com posicionamento social responsável, saber o que são as bases do negócio traz inúmeros benefícios.

Saber da missão, visão e valores é essencial para qualquer tipo de empresa. Pode-se pensar, erradamente, em um primeiro momento, que essas características importam apenas para grandes empreendimentos.

Mesmo em níveis menores, como empresas iniciantes ou iniciativas de microempreendedores individuais (MEI), saber qual a identidade do negócio é um modo de mostrar ao mercado, clientes e funcionários que seu serviço é sério e competente.

Além disso, serviços como escritórios de contabilidade e outros, que lidam com tarefas de confiança e expertise, devem se atentar para o modo como transmitem sua missão, valores e visão. O cliente desse tipo de empreendimento tende a confiar em profissionais capacitados e conscientes de suas motivações.

Esses pilares devem ter uma definição clara, objetiva e, principalmente, que reflitam a essência que os sócios desejam transmitir aos colaboradores e clientes. Isso vai validar como você será visto no mercado e formará a base do seu escritório.

Para defini-los, entenda o momento em que a empresa se encontra; da mesma forma, leve em consideração a visão dos funcionários e clientes, para construir um discurso que seja aberto a todos. Preste atenção em como seus funcionários agem no dia-a-dia, a ética das trocas com clientes e entre os próprios colaboradores.

Só após esse diagnóstico você perceberá seus pilares. Caso estes não estejam bem difundidos, é preciso ter atenção aos seguintes pontos:

  • Lugar em que a empresa se encontra, em relação ao mercado e as metas internas;
  • Lugar para onde deseja ir, objetivos e metas para o futuro;
  • Tempo estimado para alcançar os objetivos propostos ;
  • Quem fará parte do time, dos desafios e conquistas;
  • Quais valores e motivações vão guiar o time no caminho escolhido.

As respostas a essas perguntas dão indicações para iniciar o processo de definição, ou atualização, da sua missão, visão e valores.

Se houver dúvidas quanto a esses pontos, continue lendo para saber mais sobre o assunto.

Banner CTA

Missão

A missão está voltada ao que a empresa é e para o que ela foi criada, ou seja, por qual motivo os sócios resolveram se unir e criar o negócio e qual o propósito dessa união. A missão deve levar em conta não apenas os propósitos dos fundadores, mas também a posição social da empresa e como ela pode contribuir para a vida das pessoas.

Sendo assim, seu propósito é esclarecer o compromisso e dever que a empresa deve prestar às pessoas, estabelecendo sua atividade dentro do negócio.

Uma empresa que não sabe porque existe não consegue definir uma estratégia de crescimento. A declaração de missão serve justamente como base para a construção da estratégia da empresa (como objetivos, metas e indicadores).

A missão deve esclarecer qual o benefício gerado pela empresa ao seu público-alvo. Ela deve ser inspiradora e desafiadora, para criar engajamento dos seus colaboradores e parceiros.

A Omie, por exemplo, tem como missão levar organização, agilidade e eficiência para empresas de diferentes segmentos e tamanhos. Além disso, conta com uma atenção especial a contadores e microempreendedores. A partir de um sistema de gestão online competente, é possível otimizar o trabalho feito por muitos profissionais Brasil afora.

Visão

Já a visão de uma empresa representa onde se quer chegar, a projeção de uma visão de longo prazo. Uma boa definição de visão é construída com a participação de todos os colaboradores da empresa, pois o papel deles é fundamental para seu desenvolvimento.

Para que essa visão tenha fundamento e transfira o sentimento do que realmente é, o foco no crescimento deve ser de todos.

Essa visão servirá, também, para as épocas de crise, nas quais os idealizadores deverão mirar para reanimar suas equipes. O mais importante ao criar a visão é poder determinar metas e indicadores para acompanhamento.

Almejar ser o maior escritório contábil da sua região, por exemplo, sem definir metas e acompanhar os indicadores, faz com que os objetivos não tenham sentido para colaboradores e parceiros.

Na Omie, por exemplo, busca-se construir um percurso em prol de consolidar a maior organização de software do país, ajudando a transformar a vida das pessoas para melhor.

Valores

Os valores da empresa representam as suas diretrizes e motivações diárias e pro futuro. É a filosofia da empresa e precisa ser respeitada por todos os colaboradores que a constituem, servindo de guia.

O propósito dos valores é servir, assim, como um diretório para as atitudes e comportamento, para que os profissionais o sigam de acordo com o que foi definido. É a essência do negócio, sua parte mais humanizada e ética.

Ao definir os valores, a grande maioria das empresas falham. Muitas definem missão e visão, mas, ao criar uma lista de valores, preferem colocar termos que sejam bem vistos pela sociedade, como ética e transparência, sem uma reflexão sobre seu real significado.

Para criar a sua lista de valores, é preciso definir quais desses são irrevogáveis para o seu escritório e para a equipe que fará parte dele. Eles servirão como guias de comportamento da sua organização. Além disso, vão auxiliar no processo de contratação de novos colaboradores.

A Omie, por exemplo, tem como valores três pilares principais: simplicidade, oferecer um serviço intuitivo e eficiente.

Posso mudar minha missão, visão e valores?

Pessoas mudam, as empresas mudam e a própria sociedade muda. Assim, a missão, visão e valores de uma empresa podem se atualizar, visando adequação às mudanças gerais. Esse ponto deve ser considerado como um meio de se reinventar constantemente e permanecer relevante no mercado, sem ser considerado sinal de fraqueza.

Essa mudança, porém, deve ser mais no sentido de uma reformulação do que de uma mudança total, uma vez que esses pilares são estabelecidos para se manter ao longo do tempo.

A chegada de novos colaboradores, por exemplo, é um fator que pode impulsionar uma revisão cuidadosa da missão, visão e valores. Cada vez mais as empresas têm abraçado demandas sociais apresentadas pelas gerações mais jovens, demandas essas que podem vir a transformar as bases do seu negócio.

Tenha clareza em suas definições

Quando a sua missão, visão e valores forem bem definidas, diversos eixos do seu negócio vão ser otimizados, tais como: processos de recrutamento e seleção, gestão de pessoas e liderança, trazendo a sua equipe para um equilíbrio produtivo.

Além disso, a demanda dos clientes e sua satisfação são elementos que se beneficiam da definição dos pilares apresentados neste conteúdo. Lembre-se: consumir serviços de uma empresa que sabe suas bases é um fator de confiança.

É imprescindível que você esteja preparado para as ações a serem tomadas. Apesar de parecer algo complexo, definir as três partes dos pilares aqui apresentados começa por um olhar estratégico sobre seu negócio e o mercado.

Agora que você sabe sobre como criar sua missão, visão e valores, aprenda mais sobre Gestão estratégica: entenda o conceito e como aplicar na sua empresa – Blog Omie. Lá você encontra este e muitos outros temas sobre o mundo dos negócios.

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
Conheça a cnae: homem e mulher a frente de notebook
Aprenda como consultar e classificar corretamente sua empresa conforme suas atividades com o CNAE.
estoquistas vendo dicas de controle de estoque
Como fazer o controle de estoque para sua empresa de forma objetiva, eficiente e os principais cuidados que você deve
gestão de clientes
Entenda como as estratégias de gestão de clientes vão impulsionar o seu negócio.