Lucratividade e rentabilidade: entenda as principais diferenças

Saiba como funcionam os indicadores de lucratividade e rentabilidade dentro de uma empresa.

23/Jun/2021
Contabilidade

Se você é um dos profissionais responsáveis pela administração de uma empresa, com certeza sabe que os resultados devem ser acompanhados com periodicidade, e por isso, é importante garantir que eles estejam corretos. E para isso, alguns indicadores são comumente utilizados, e alguns deles são a lucratividade e rentabilidade


Esses são dois indicadores que analisam se o negócio está tendo ganhos ou prejuízo em suas operações empresariais. E por isso, é fundamental ter compreensão sobre os dois conceitos para que assim, você tenha uma gestão cada vez mais eficiente. 


Abaixo, vamos te apresentar a diferença entre lucratividade e rentabilidade e todas as informações importantes para você usar esses indicadores em sua empresa. Vamos lá?

O que é a lucratividade?

Antes de saber a diferença entre os dois, é preciso entender o conceito de cada um. Por isso, vamos começar pela lucratividade. Basicamente, esse é um indicador que revela quanto uma empresa ganhou em relação ao que recebeu, ou seja, se ela consegue cobrir todos os custos que tem e ao mesmo tempo gera bom percentual de margem de lucro.


Ao conhecer os indicadores de lucratividade, você consegue saber que quando uma empresa vende um serviço ou produto, o valor comprado não é totalmente para o negócio em si. Ou seja, existem outros pontos que acabam precisando de dinheiro e são eles a mão de obra, impostos, taxas e até mesmo a estrutura do local. 


Confira abaixo o cálculo para entender como funciona a lucratividade de um empreendimento.


Lucratividade = (lucro líquido/receita bruta) x 100


Dessa forma, ela é calculada em valor percentual em que o lucro líquido (que é feito após a dedução de custos e despesas) e a receita bruta (valor das vendas) tem a divisão dos valores e multiplicação por 100.


Fácil, não é? Ao fazer a análise através dos indicadores de lucratividade, é importante verificar se o resultado está dentro do planejamento já feito. Isso porque, você vai conseguir propor possíveis mudanças e diminuição de gastos ou melhoria dos processos operacionais. 


Outro ponto importante é poder fazer um benchmarking e comparar os resultados da sua empresa com seus concorrentes do mesmo segmento. Visto que, dessa forma você pode analisar o que precisa ser melhorado. 

Qual o conceito de rentabilidade?

A rentabilidade está diretamente ligada a ter um investimento inicial e analisar quanto será o retorno que ele irá proporcionar para uma empresa. Ou seja, você pode mensurar quanto a empresa rendeu desde o começo seja com os produtos, serviços ou ativos. 


Para fazer o cálculo, é preciso entender a relação entre o lucro líquido e os investimentos realizados pelo negócio.


Rentabilidade = (lucro líquido/investimento) x 100



Além disso, a rentabilidade financeira também pode ser usada para fazer a análise se um investimento vale a pena para ser feito pela empresa. Desde a compra de ações ou qualquer outro tipo de investimento existente.


Assim como a lucratividade, o indicador da rentabilidade tem como base o lucro líquido e um resultado em valor percentual. Porém, você deve estar se perguntando quais são as diferenças entre os dois, não é mesmo? E para isso, confira abaixo!

Diferença entre lucratividade e rentabilidade

Agora que você já sabe o que é lucratividade e rentabilidade e sabe as diferenças, é preciso saber que ambas têm como base o lucro líquido, porém apontam para análises diferentes. Confira as principais:


  • Lucratividade: faz comparação do lucro final com o faturamento
  • Rentabilidade: compara o lucro final com investimentos realizados pela empresa;
  • Lucratividade: depende de custos e formação de preços. Além disso, depende disso para saber se a sua receita vai conseguir cobrir os custos do negócio;
  • Rentabilidade: depende exclusivamente do negócio gerar retornos a partir de investimentos.


Por isso, é imprescindível que se tenha controle financeiro para que a análise dos KPIs seja feita com eficiência. Isso porque, mesmo que você tenha uma excelente lucratividade, você pode ter uma rentabilidade baixa. 

Tenha um sistema de gestão em sua empresa

Não deixe de usar os indicadores de lucratividade e rentabilidade em sua empresa. Independentemente do seu porte, ramo ou segmento de mercado, é indispensável fazer uma análise profunda e detalhada das finanças do seu negócio. 


E para que essas análises sejam feitas com mais assertividade, vale investir em um sistema de gestão. Com o Omie, você pode transformar a sua empresa e evoluir em pouco tempo com automatização das tarefas, aumento da produtividade e melhoria em vários processos como emissão de notas fiscais e relatórios gerenciais personalizados. 


Garanta um gerenciamento simples, completo e ilimitado, feito a qualquer hora e em qualquer lugar. Com implementação fácil, alta segurança dos seus dados e a melhor equipe de suporte do setor. Dessa forma, o seu cliente vai ficar muito mais satisfeito com o produto e atendimento. 


Receba as novidades

Assine nossa newsletter

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas

Posts Relacionados

Artigos por autor

Receba as novidades

Receba as novidades

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas