Backoffice: O que é, qual sua importância e onde atua?

Dos pequenos aos grandes negócios, o backoffice importante para qualquer empresa. Conheça melhor seu conceito, funções e como a tecnologia pode ajudar.

08/Set/2021
Gestão

O setor de backoffice é responsável por cuidar de todos os processos de retaguarda administrativa de uma empresa, ou seja, que dão suporte às atividades de maior atividade e vistas pelo público.


Se você não sabe o que é backoffice e quer conhecer mais sobre sua aplicação e a importância de um boa gestão, assim como a tecnologia, a Omie preparou este conteúdo para tirar suas dúvidas. Acompanhe!


Mas, o que é backoffice?


O conceito de backoffice significa, em tradução livre, “parte de trás do escritório”. Seu conceito diz respeito aos processos importantes e necessários para o funcionamento de qualquer negócio, mesmo que não sejam muito vistos.


Essa retaguarda funciona como uma solucionadora de problemas imediatos, agindo para que a operação principal, ou seja, aquela que lida diretamente com os clientes, atenda suas necessidades perfeitamente.


A parte de trás do escritório dá total suporte ao front office, ou seja, áreas que se relacionam diretamente com o público. Um pagamento, por exemplo, precisa que o sistema de caixa esteja funcionando perfeitamente para fechar uma compra, e isso só é possível graças ao profissional de TI.


Outras funções, como marketing, RH, contabilidade, financeiro, jurídico e estoque são igualmente essenciais para o sucesso do empreendedorismo, e devem constar na gestão de backoffice da organização.


O backoffice, por assim dizer, não é diretamente ligada à geração de receita para a empresa, mas oferece suporte operacional para os responsáveis serem bem sucedidos na tarefa, e, se estiver desorganizado, pode trazer prejuízos consideráveis.



A importância do backoffice e da organização empresarial


Tudo que é adquirido por um consumidor, seja um produto ou um serviço, passa por diversas etapas até sua finalização. Os setores de retaguarda administrativa procuram garantir o perfeito funcionamento dos processos antes, durante e depois do relacionamento com o cliente. 


Esse é o caso do backoffice financeiro, designado para controlar lucros, despesas e investimentos do negócio. Sendo assim, quais são os principais pontos de destaque desses setores para o sucesso empresarial? Confira a seguir.


Definição de metas


Antes de colocar qualquer ação em prática, é essencial definir quais são seus reais objetivos, e que metas desejam ser batidas. Todo o setor de backoffice, então, será encarregado de garantir produtividade, qualidade e eficiência, para que o planejamento ocorra como o esperado


Lembre-se de definir metas palpáveis e concretas, se adequando à capacidade e limitação de cada área ou do porte do negócio. Isso é importante para que o planejamento não seja distante da realidade da organização empresarial.


Desenho de planejamento


Com as metas definidas, é hora de traçar o seu planejamento. E é essa fase que vai pautar as ações do backoffice dali em diante. Informações fundamentais, como investimento, infraestrutura e mão de obra serão levantadas para o sucesso da operação.


O backoffice pode englobar diversas ações para garantir o funcionamento das atividades e cumprimento das demandas, como contratação de pessoal, treinamento de equipe, adequação de espaços físicos, compra de materiais, implementação de sistemas de gestão, etc.


Acompanhamento de indicadores


O setor de backoffice tem outra tarefa essencial no empreendedorismo, que é o acompanhamento de indicadores. São esses KPIs que permitem aos gestores e a você obterem uma visão ampla sobre quais estratégias funcionam e quais precisam melhorar.


Indicadores como produtividade, qualidade, retorno sobre investimento, satisfação do cliente e turnover são só alguns exemplos de como esses dados são de suma importância para correção de falhas no processo. Por isso, certifique-se de contar com profissionais e métricas que monitorem essas informações continuamente.

.

Sistema para gestão de backoffice


Agora que você já sabe o que faz um backoffice, deve estar se questionando sobre como integrar todos esses processos e colocar em prática um controle eficaz de todas essas atividades.


De fato, o backoffice conta com muitas tarefas manuais, burocráticas e repetitivas, necessárias para manter a operação rodando. Para otimizar essa rotina, diminuindo o índice de erros humanos, o ideal é contar com um sistema ERP.


Um software de gestão não só facilita e agiliza todas as atividades de retaguarda administrativa, mas possibilita também a automação de tarefas, permitindo direcionar colaboradores e até mesmo equipes inteiras para processos que exigem maior poder de raciocínio, decisão e estratégia. 


Nesse momento, é muito importante contar com uma solução empresarial que faça a integração de sistemas, unindo backoffice e front office e lidando harmoniosamente com diversos setores, seja comercial, financeiro, fiscal, etc.


O sistema ERP da Omie conta com módulos e funcionalidades que proporcionam a gestão e controle de todos os processos da sua empresa. Com uma solução ágil, simples e intuitiva, operações de frente e retaguarda estarão completamente integradas, em uma relação de simbiose.


A Omie é o ERP parceiro do ecossistema empreendedor brasileiro, e acredita na inovação e transformação digital, caminhando junto dos pequenos e médios negócios do mercado. Veja abaixo um vídeo explicativo que fala mais sobre o que é a Omie e qual produto vendemos!



Receba as novidades

Assine nossa newsletter

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas

Posts Relacionados

Artigos por autor

Receba as novidades

Receba as novidades

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas