Conheça 5 modelos de planilha de vendas

Planilha de vendas: cinco modelos que não podem faltar em seu negócio.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

Item essencial para os processos da sua empresa, poucos negócios utilizam a planilha de vendas – ferramenta estratégica e que traz um diferencial nesse setor.

Ao contrário do que muitos pensam, elas não servem apenas para o controle de vendas realizadas, mas para todos os processos e atividades da área comercial. Ou seja, podem e devem ser utilizadas em várias etapas de vendas.

Entenda mais sobre as planilhas de vendas, como fazer e conhecer quais são os modelos que não podem faltar na sua área. Continue acompanhando este conteúdo até o final!

62a1f7437a5e6b5e2f216d35 CTA Banner Empreendedor 2 opt2 v2 13

Como a sua empresa faz o controle de vendas?

Pode-se dizer que as vendas são o coração do negócio, por isso dar atenção a elas é de grande importância. Ainda assim, os pequenos negócios, em sua maioria, não possuem processos e controles bem estabelecidos.

A falta desse controle e do uso correto das planilhas de vendas acaba prejudicando a empresa como um todo. Isso porque o controle de vendas e o acompanhamento delas ajudam a identificar oportunidades de negócio e entender o momento atual da sua empresa.

Além disso, com as planilhas de controle de vendas, você consegue chegar em decisões mais assertivas, reduzir gastos e, ainda, manter a qualidade dos seus produtos e serviços. Então, se você ainda não tem esse processo bem definido, está na hora de começar!

Afinal, como fazer o controle de vendas?

A verdade é que existem muitas maneiras de controlar as vendas da sua empresa. A principal delas é utilizar planilhas e softwares para registar as informações e dados de cada transação.

Então, se você ainda é adepto do caderninho e bloco de notas para anotar suas vendas, é a hora de buscar por uma solução mais moderna e segura. Após encontrar a melhor maneira de registrar as informações da área de vendas em um computador, você deve mapear o que será acompanhado.

Na planilha de vendas deve constar detalhes como quais produtos foram vendidos, quais produtos que menos venderam no mês, o que está em promoção, o que precisa ser reposto, entre outros.

Por fim, você deve criar um banco de dados. Isso mesmo. Essa é a forma mais inteligente para construir e determinar as futuras estratégias de vendas. Para isso, você deve registrar alguns dados importantes que vão servir como base para as ações futuras, por exemplo, a porcentagem de venda de determinado produto e, no caso do segmento B2B, a quantidade de vezes que ele foi consumido.

Você pode usar outros dados também, esses são apenas exemplos. Entenda mais sobre esse assunto no artigo sobre controle de vendas do blog Omie.

5 modelos de planilhas de vendas

Se você pensou que existe apenas um tipo de planilha de vendas para utilizar em seu negócio, está errado! Existem diversos modelos, cada um deles é específico para uma atividade da área comercial.

Veja como fazer planilha de vendas para cada uma das principais atribuições da área e, assim, garantir maior controle. Confira.

Planilha de planejamento de vendas

O planejamento é parte vital de uma empresa bem sucedida. Ele deve ser aplicado em todas as áreas para garantir que os processos e atividades sejam voltados para que as metas e objetivos sejam atingidos.

Nas vendas, o planejamento também é fundamental. É nele que você vai determinar as projeções de crescimento. Para isso, deve realizar uma coleta de dados referentes a vendas anteriores e colocá-los em uma planilha.

Com base nesses dados, organizados por períodos pré-determinados, você consegue ter uma previsão dos gastos e faturamentos futuros, além de criar novas metas e objetivos de vendas.

Planilha para controlar vendas e clientes

A planilha para controle de estoque e vendas é um dos documentos mais importantes e essenciais para qualquer empresa. Nela, você vai controlar e monitorar os produtos e serviços que vende, isso vale tanto para o estoque, quanto para a área financeira.

Com esse controle você saberá não só a quantidade de itens comercializados ou o que precisa ser resposto, mas entender quais demandas eles possuem no mercado.

Além disso, com ela você também registra os dados dos clientes e as etapas de negociação que eles estão. Assim, você se certifica de que todos estão evoluindo dentro da jornada do consumidor e que os vendedores estão realizando as atividades corretamente.

Planilha para acompanhar a prospecção de clientes

Saber como prospectar clientes é muito importante, mas acompanhá-los de perto é o que vai garantir a sua conversão nas vendas. Para garantir que isso seja de fato realizado, utilizar uma planilha de prospecção de clientes é de grande valia.

Para os times da área de vendas, esse tipo de planilha é uma grande aliada, pois nela são mantidos de forma organizada os dados de contatos de todos os clientes em fase de prospecção, além das etapas de follow-up, por exemplo.

Na hora de montar uma planilha desse modelo, você deve anotar nome, telefone, e-mail, redes sociais e quais produtos o cliente está interessado. Assim, você consegue tornar a experiência dele melhor e mais significativa.

Planilha de comissão de vendas

Sabia que dá para acompanhar o desempenho da área comercial em uma planilha? Exatamente. E mais do que isso, analisar e determinar as comissões de venda de forma organizada e personalizada para o seu negócio.

Isso mesmo. Com esse tipo de planilha você consegue verificar de perto o contrato de comissão de vendas e, ainda, monitorar as ações do time de vendas.

Na Omie, por exemplo, você consegue fazer relatórios das comissões de vendas do seu negócio de forma simples e otimizada, garantindo dados assertivos e estratégicos, tudo com auxílio da tecnologia.

Planilha para acompanhar despesas e relatório de visitas

Essa planilha faz parte das estratégias para atingir as metas e objetivos de vendas da empresa e, dessa forma, impulsionar o crescimento do negócio. Isso porque é nela que você terá os dados de cada ação realizada por um vendedor, incluindo os gastos e sucesso na conversão.

Ou seja, com essa planilha você consegue perceber se as ações e estratégias de vendas estão sendo realmente assertivas ou se precisam ser melhoradas. Isso tudo porque ela permite que você acompanhe, por exemplo, o ticket médio de cada cliente.

Assim, consegue ter uma visão mais ampla e estratégica do que precisa ser feito ou não para aumentar as vendas.

Sistema de controle de vendas: você já pensou nessa solução?

Agora você já conhece os diferentes tipos de planilhas de vendas, sabe onde implementá-las e, principalmente, as vantagens de utilizá-las em seu controle de vendas. Conheça um sistema de controle de vendas que vai automatizar tudo o que já mencionamos aqui.

Isso mesmo! Assim, além de facilitar o preenchimento, você evita dados incorretos e interferências nas informações, afinal, tudo será preenchido de forma automática. Um sistema de controle possibilita ir além e ter uma visão ampla das ações e dados da área.

Com isso, você consegue otimizar e facilitar as tarefas da área, aumentar a produtividade e engajamento dos times e planejar ações mais estratégicas para impulsionar as vendas e crescimento da sua empresa!

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
declaração de prestação de serviço
Saiba a melhor forma para preparar a sua declaração de prestação de serviços aqui!
Market Share
Descubra o Market Share e como ele é importante para o seu negócio. Entenda o conceito e aprenda a calcular
canais de vendas
Conheça os diferentes canais de vendas e o motivo para criar uma estratégia para eles na sua empresa.