Entenda como definir o público-alvo da sua empresa

Saiba como definir o público-alvo da sua empresa. Conhecer as características do seu público é essencial para um negócio de sucesso. Confira!
Navegação Rápida
Navegação Rápida

Aprender como definir o público-alvo da sua empresa é um passo fundamental para criar um plano de negócios de sucesso. Quando você consegue traçar o perfil de quem são os seus consumidores em potencial, fica muito mais simples compreender quais são as estratégias a serem traçadas para estabelecer um diálogo, gerar visibilidade para sua marca e vender mais.

Ainda, a partir do público-alvo é possível apontar quais são as demandas que os seus produtos ou serviços podem resolver e como isso será feito. Sem saber quem é o seu público, as ações de marketing e vendas que são desenvolvidas pela sua equipe acabam virando um “tiro no escuro”, pois não há dados para se basearem.

Se você está começando a criar a sua empresa, vale a pena incluir na sua lista de tarefas definir o público-alvo e pesquisar suas principais características. Mas se já está em atuação, aprender como definir seu público é uma oportunidade para expandir os negócios e crescer. Confira este artigo para saber mais.

62a1f7437a5e6b5e2f216d35 CTA Banner Empreendedor 2 opt2 v2 29

Afinal, o que é público-alvo?

O público-alvo pode ser caracterizado como um grupo de pessoas com características em comum, que é o foco de uma organização, por exemplo, os consumidores e consumidores em potencial de uma empresa.

O conceito de público-alvo é utilizado para que seja possível focar nessa categoria de pessoas e criar ações de marketing baseadas em suas preferências, no comportamento e demandas. Nem sempre o público-alvo são os consumidores, uma empresa pode ter diferentes públicos: externos e internos.

Para exemplificar, os trabalhadores da empresa formam o seu público-alvo interno. Nesse caso, são desenvolvidas ações de comunicação para promover a cultura organizacional da empresa e fazer com que todos se sintam integrados e valorizados.

Por outro lado, o público-alvo externo abrange não somente os consumidores, como também empresas parceiras, fornecedores, entre outros. Isso depende de cada modelo de negócio.

Logo, uma mesma empresa pode ter diferentes públicos-alvos e traçar diversas estratégias para o relacionamento. Dessa forma, fica visível o quanto esse conceito é uma parte fundamental em todos os tipos de negócios.

Como definir o público-alvo?

Muito além de entender o que significa esse termo, é primordial aprender como definir o público-alvo para, então, desenvolver as ações de marketing da sua marca.

Faça pesquisa de mercado

Um dos primeiros passos quando se fala de definir o público-alvo é fazer uma pesquisa aprofundada do mercado em que a sua marca está inserida, por exemplo, respondendo às seguintes perguntas:

  • Quais tipos de demandas seus produtos e serviços conseguem resolver?
  • Quais são as pessoas que podem se interessar pelos seus produtos ou serviços?
  • Quais são as principais demandas delas?
  • Quais são os públicos-alvos dos seus concorrentes?
  • Quais são os dados que você possui em relação ao seu público-alvo?

Aqui, é necessário fazer uma análise tanto qualitativa quanto quantitativa em relação ao seu público-alvo. Na quantitativa, você consegue mensurar qual é o tamanho do mercado que você pode explorar. Por outro lado, na pesquisa qualitativa, é possível compreender melhor o comportamento do seu público.

Mas se você já tem uma base de leads, pode começar a pesquisa com eles. Uma alternativa é fazer um questionário para procurar conhecê-los melhor e daí iniciar o processo de definição de quem é o seu público-alvo.

Entretanto, caso ainda não tenha essa base, uma alternativa é buscar pesquisas relacionadas ao seu setor, muitas trazem dados valiosos em relação ao perfil dos consumidores.

Além disso, é sempre importante contar com informações dos setores de vendas e relacionamento do cliente. Estes são a linha de frente e detém dados vantajosos para definir estratégias. Negócios que investem em tecnologia e integração de setores saem na frente.

Saiba segmentar o público-alvo

Para segmentar o seu público-alvo é importante levar alguns aspectos em consideração, que vão permitir a você ter uma visão mais clara de quem eles são. A partir disso, é possível criar personas que seriam como personagens que representam cada um dos seus públicos-alvos, onde as ações de marketing são pensadas considerando as características dos grupos:

  • Geográfica: principais regiões em que seu público-alvo está localizado, por exemplo, se a maioria mora no Rio de Janeiro e São Paulo ou se vivem majoritariamente no norte do país;
  • Demográfica: faixa etária do seu público-alvo, renda, ocupação, escolaridade, gênero, tamanho da família, religião, raça;
  • Comportamental: frequência de uso dos seus produtos ou serviços, o que os motiva, comportamento como consumidor, o que chama a atenção em ações de marketing;
  • Psicográfica: estilo de vida, personalidade, preferências, valores, interesses e preocupações;
  • Para clientes empresas B2B: tamanho da empresa, setor de atuação, localização, número de funcionários.

Conheça os tipos de público-alvo

É possível  dividir os diferentes tipos de público-alvo considerando as épocas em que eles nasceram, ou seja, a geração a que pertencem. Cada uma delas é marcada por características diversas, que dizem muito do comportamento dos consumidores que pertencem a cada uma, por exemplo:

  • Veteranos: pessoas que nasceram antes de 1945, período marcado pela Primeira e Segunda Guerra Mundial. Trata-se de pessoas maduras e que vivenciaram diversas transformações da sociedade durante todos esses anos;
  • Baby boomers: são aqueles que nasceram entre 1945-1964, no pós-guerra. O mundo se reconstruía e houve um grande crescimento econômico marcado pelo desenvolvimento dos Estados Unidos. Mas também era uma época assombrada pelo medo da Guerra Fria;
  • Geração X: nascidos entre 1965 e 1980, esta geração presenciou os primeiros passos da expansão do mundo digital, com o surgimento da comunicação via e-mail, por exemplo;
  • Millennials ou geração Y: nascidos entre 1981 e 1995, hoje, os millennials formam uma grande parcela dos trabalhadores no mundo todo. É uma geração que cresceu junto à expansão da tecnologia e da comunicação pela internet, a popularização do computador pessoal e o boom das redes sociais;
  • Geração Z: A geração Z é formada pelas pessoas que nasceram entre 1996 e 2020. São jovens adultos, adolescentes e crianças que não conheceram o mundo antes da era digital e estão completamente habituados às novas tecnologias.

Exemplos de público-alvo

Colocando em prática para que você aprenda como definir público-alvo, imagine a seguinte situação: um e-commerce especializado em vender maquiagens veganas, onde não há crueldade animal na produção de nenhum dos produtos.

A partir dessa definição, percebe-se que o propósito é trabalhar com um nicho mais específico. Assim, podemos dizer que o público-alvo são pessoas que gostam de se maquiar, mas que têm uma preocupação ambiental e querem praticar o consumo consciente.

Analisando as diferentes gerações, é possível perceber uma preocupação crescente em relação aos direitos animais e a preservação do meio ambiente pelos Millennials e a Geração Z.

Dessa forma, pode-se dizer que ambos fazem parte do público-alvo. Ainda, suponha que a sede da empresa seja em São Paulo, as pessoas que moram nessa região fazem parte do público-alvo. Entretanto, como é um e-commerce que entrega para todo o Brasil, é necessário fazer uma pesquisa aprofundada para definir as principais regiões.

Em relação à segmentação comportamental e psicográfica, é possível dizer que são pessoas que gostam de comprar pela internet com frequência e se preocupam com a origem e processo de produção do que consomem.

Agora, vamos considerar outro exemplo: uma pizzaria localizada no bairro de Jardins, em São Paulo. O público-alvo é formado por todos os gêneros, mas que moram em Jardins ou nos arredores. Além disso, a faixa etária é ampla. Trata-se de pessoas que gostam de sair para comer fora com os amigos ou a família, mas também buscam ter a opção de delivery para pedir pizza em casa.

A importância de definir o público-alvo

Aprender como definir o público-alvo e colocar isso em prática é algo de extrema importância para quem almeja ter uma empresa bem-sucedida e duradoura. Identificar o seu público-alvo e suas características é como traçar um mapa no qual suas ideias e ações vão se basear.

Gerenciar um negócio pode levar a tentativas e erros. Mas, quando você sabe qual é o seu público-alvo, consegue reduzir consideravelmente as chances de falhar, prevenindo erros que são previsíveis por meio da pesquisa de público.

Aprenda mais sobre planejamento e gestão empresarial no artigo Por que investir no CRM ajuda na definição do público-alvo? do Blog Omie, uma fonte de conteúdos sobre este e outros assuntos que vão alavancar sua atuação e colocar seu negócio no caminho do sucesso!

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
Entenda o que é qualificação cadastral eSocial e fique por dentro das regularidades trabalhistas. Confira o passo a passo elaborado
Conheça mais detalhes sobre o Sistema de Informação Gerencial e como ele pode impulsionar o sucesso do seu negócio.
DASN Simei: homem com celular e notas

MEI

Aprenda como declarar e evite multas e juros pelo não envio das informações corretas.