Logística integrada: o que é, como funciona e vantagens

A logística integrada é o tipo de logística capaz de otimizar todas as etapas da cadeia de suprimentos. Saiba mais detalhes.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

A logística integrada é uma etapa importante para as empresas, pois diz respeito à qualidade e ao cumprimento de prazos de entrega dos produtos ofertados ao cliente final. Desde a aquisição de matéria-prima até a venda, é parte dos processos de um negócio e deve ser vista com atenção.

Existem alguns tipos de logística, como a logística integrada, que representa a ligação de todas as etapas que envolvem o transporte de carga, seja final, seja de material. O avanço tecnológico e clientes cada vez mais exigentes levaram os negócios a se modernizar e adotar outros modelos que levam empresas à excelência.

Se você quer conhecer mais detalhes sobre o que é logística integrada, sua importância, seu funcionamento e suas vantagens, acompanhe a leitura. Neste conteúdo você encontrará as informações necessárias para aplicar o método hoje mesmo e ganhar mais destaque no mercado.

62a1f7437a5e6b5e2f216d35 CTA Banner Empreendedor 2 opt2 v2 138

 

O que é logística integrada?

Você provavelmente tem algum entendimento sobre o que é logística. Porém, quando falamos de logística integrada, estamos falando de uma revolução de como se percebe e se faz logística.

Devido aos avanços na tecnologia, temos a evolução de processos e, com isso, o surgimento da logística integrada – o gerenciamento amplo e efetivo de obtenção e venda de toda a cadeia de suprimentos.

A logística integrada leva a uma alta conectividade, melhor comunicação e qualidade. Ela está diretamente ligada com a tecnologia e sistemas que permitem o acompanhamento de todos os procedimentos em tempo real.

Com o intuito de prevenir frustrações, esse tipo de logística busca evitar erros de comunicação e funcionamento, problemas com o prazo de entrega, entre outros. Isso é possível devido ao alinhamento de um fluxo de entrega pensado com base nos objetivos e atuação do negócio.

Exemplos de logística integrada

Falar de integração dentro da logística é entender que existem diversas etapas nessa cadeia e que cada uma delas tem a sua importância no processo. A comunicação entre todas as etapas é o centro desse tipo de logística.

Na prática, tais etapas compõem um processo fundamental para que o negócio tenha mais eficiência dentro da sua atividade comercial. Por exemplo, se você vende roupas em um e-commerce, faz entregas em todo o país e as matérias-primas são adquiridas por um fornecedor que não é da mesma cidade, precisa saber o prazo de entrega.

Assim, será possível analisar se você consegue entregar as peças da próxima estação e realizar o lançamento da coleção.

A logística integrada auxilia as empresas para uma melhor tomada de decisão. Nesse mesmo exemplo, poderíamos citar ainda o cliente final. Lançar uma coleção de inverno durante o verão certamente não irá atrair vendas e o cliente não receberá a peça de roupa adequada à estação. Assim o processo de logística funcionará com erros e falhas.

Com a cadeia de comunicação funcionando de forma integrada, todos esses problemas podem ser evitados e isso só é possível graças à logística integrada.

Qual a importância da logística integrada para as empresas?

Em um mundo cada vez mais digitalizado, consumidores exigem agilidade nos serviços, agregando valor aos negócios que buscam se destacar entre a concorrência que é bastante grande.

A logística integrada é importante para todos os meses do ano, porém, em datas sazonais, ela pode ter uma importância maior, visto que as pessoas buscam produtos para aquelas ocasiões em especial.

A tecnologia utilizada na logística integrada também aumenta a produtividade interna e melhora o relacionamento com fornecedores e clientes finais.

Como funciona esse tipo de logística?

Para se ter uma logística integrada, é preciso associar todas as etapas, desde a pré-produção até a entrega do produto finalizado. Por isso, empresas que querem adotar esse tipo de logística devem investir em um mecanismo capaz de realizar todo o controle desse fluxo de produção e venda.

Adotar a logística integrada também requer um planejamento de todas as etapas, nomeando os responsáveis por cada uma delas, de modo a oferecer um maior controle de estoque e maior agilidade em todo o processo, inclusive na prevenção de possíveis falhas.

Conheça as três áreas da logística integrada

A logística integrada é dividida em três principais áreas que determinam a implementação e o funcionamento dos processos. Confira!

Administração de materiais

Esse setor é o responsável por controle de estoque, negociação de matérias-primas, negociação, aquisição e contato direto com fornecedores. Além disso, cuida da qualidade e do armazenamento.

Sendo assim, é a área da empresa que realiza o gerenciamento de importantes etapas da cadeia de suprimentos.

Movimentação de materiais

Esse setor se responsabiliza pelo abastecimento e pelos insumos na linha de produção. Com isso, a empresa reduz falhas, desperdícios e otimiza o funcionamento.

A área de movimentação de materiais se baseia em importantes princípios, como:

  • planejamento;
  • padronização;
  • unitização;
  • otimização;
  • segurança;
  • boa utilização do espaço;
  • integração;
  • ciclo de vida dos materiais;
  • automação.

Por meio da utilização de sistemas, nessa etapa, a empresa consegue obter um controle preciso das áreas de estoque.

Distribuição

Essa área é responsável pelo trajeto entre a empresa e o cliente final, no processo conhecido como entrega dos produtos vendidos. Ela tem influência direta nos resultados, pois lida com a satisfação ou a frustração do cliente com os prazos de recebimento.

7 vantagens da logística integrada

A logística integrada entrega benefícios não só aos negócios, mas também aos fornecedores e aos clientes finais. A seguir, reunimos algumas das principais vantagens que você precisa conhecer. Confira!

1. Proporciona vantagem competitiva

Os clientes estão cada vez mais exigentes e isso também inclui as entregas de produtos. A experiência de compra conta na hora de criar um relacionamento mais fidelizado e pode ser decisivo na hora de escolher entre seu negócio e a concorrência.

Além disso, a entrega no prazo ou antes deste torna-se um diferencial competitivo em tempos em que os processos estão cada vez mais digitalizados e ágeis. Isso é possível com a logística integrada, na qual a agilidade e a eficiência estão presentes por meio da conexão das etapas desde a pré-produção até a entrega do produto.

2. Aumento da lucratividade

Com a redução de custos de falhas e a ampliação de estratégias de logística, a lucratividade do negócio pode ser aumentada devido ao auxílio da inserção da tecnologia nessas atividades de rotina.

O trabalho das diferentes áreas é melhorado e isso reflete diretamente nos resultados que a empresa tem de um modo geral, seja nos serviços oferecidos, seja na lucratividade.

3. Redução de custos

Por meio da logística integrada, é possibilitado o rastreio de falhas nos processos da cadeia de suprimentos, o que permite otimizar essas etapas e eleva a eficiência da operação, trazendo redução de custos indevidos.

Uma visão mais estratégica da logística permite a realização de um planejamento operacional a custos reduzidos, proporcionando um ambiente mais produtivo, no qual falhas e inconsistências ocorrem com maior raridade.

4. Aprimora a gestão

A gestão de toda a logística também é melhorada. A logística integrada torna o processo menos complexo, pois facilita a dinâmica do trabalho, permitindo que o gestor tenha uma visão mais ampla das etapas.

Assim, a tomada de decisão é facilitada, pois o gestor sabe exatamente onde intervir e o que melhorar para ter resultados mais positivos na operação.

5. Aumenta a produtividade

A otimização dos processos aumenta a satisfação interna, interferindo positivamente na produtividade. Com a utilização da tecnologia, a quantidade de atividades manuais é reduzida. Isso deixa os colaboradores com mais tempo hábil de focar em outras atividades importantes para a empresa.

A previsibilidade de todas as etapas torna possível a adaptação a demandas rápidas e repentinas, o que não gera problemas para a rotina.

6. Redução de falhas

A logística interna reconhece falhas existentes, permitindo corrigi-las e otimizando o processo produtivo em todas as etapas. As falhas na cadeia de suprimentos resultam em prejuízos financeiros que podem ser evitados com este tipo de logística.

A logística integrada auxilia no reconhecimento de falhas, ações preventivas, previsão de riscos e criação de um plano de contingência.

7. Aumenta a satisfação dos colaboradores da empresa

A melhoria em todas as etapas e a redução de erros aumenta a satisfação dos colaboradores da empresa e tende a colaborar para a melhoria do clima organizacional. Assim, todos os envolvidos são impactados positivamente.

Logística integrada: tecnologia e conectividade

A logística é parte integrante de negócios de sucesso e compreende o conjunto de ações que garantem a qualidade das entregas e o bom relacionamento com o cliente. Com o aumento do consumo nos meios digitais, a logística integrada é o segredo para atuar em diversas frentes e chegar ao consumidor, indo além do esperado.

Neste conteúdo, você aprendeu mais sobre a logística integrada, sua relação com outros tipos de logística e como usar a tecnologia a seu favor. A ideia é investir em integração, ferramentas que unifiquem dados e focar nas análises assertivas que podem gerar insights, economia de recursos, entre outros benefícios.

Assim, a logística integrada permitirá a melhoria do processo, além de uma comunicação mais abrangente e eficiente, por meio do uso da tecnologia e de aplicações e da maior conectividade, como os sistemas de gestão. Mantenha-se informado no Blog Omie e siga aprendendo sobre como transformar seu negócio com inovação e eficiência!

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
duas pessoas conversando sobre como abrir uma empresa
Se você quer ter o próprio negócio, precisa entender o passo a passo para abrir uma empresa de forma simples
Pessoa fazendo governança de dados.
Tenha uma gestão transparente e mais estratégica com a implementação da governança de dados.
ERP para pequenas empresas

MEI

Você já considerou a implementação de um ERP para pequenas empresas no seu negócio? Ententa as vantagens aqui!