O que é orçamento ajustado e como funciona? Veja exemplos!

Com o orçamento ajustado, o gestor pode fazer mudanças no plano original, a fim de manter a saúde financeira do negócio. Entenda melhor como funciona na prática.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

O orçamento ajustado trata-se de uma ferramenta valiosa que muitos tipos de negócios usam para fazer o planejamento financeiro, pois permite programar os recursos a longo prazo.

Quando o mercado se transforma e as demandas do seu empreendimento evoluem, é o orçamento ajustado que ajuda a manter os negócios no rumo certo. Continue a leitura para saber como ele funciona e como pode fazer diferença nas finanças da sua empresa.

O que é orçamento ajustado?

O orçamento ajustado é um ajuste estratégico no orçamento, feito especialmente em relação a volumes de gastos e receitas. Funciona em conjunto com um plano de negócios, sendo revisado regularmente para garantir que a empresa se adeque a essas mudanças.

A ferramenta é mais que uma simples adaptação de números: é uma estratégia para empresas enfrentarem mudanças imprevistas.

Além disso, é um tipo de orçamento que ajuda a corrigir desvios financeiros e capacita os negócios a se adaptarem de forma proativa, garantindo que estejam sempre um passo à frente em um cenário de constante transformação.

Qual a principal característica do orçamento ajustado?

Trata-se de um orçamento empresarial que promove a eficiência nos gastos, permitindo uma gestão financeira bem-sucedida. Entre as principais características dessa ferramenta, estão:

  • flexibilidade para mudanças: o orçamento ajustado é dinâmico, permitindo que a empresa faça alterações conforme o cenário de mercado evolui, ajustando-se rapidamente a novas demandas;
  • revisões periódicas: ao contrário de orçamentos estáticos, ele é revisado regularmente. Isso garante um alinhamento constante com seus objetivos financeiros, mesmo diante de imprevistos;
  • adaptação a ciclos de mercado: projetado para se adaptar a diferentes ciclos de mercado, o orçamento ajustado permite que a empresa aloque recursos de forma eficaz, mesmo em cenários econômicos desafiadores;
  • análise de custos variáveis e fixos: é um tipo de orçamento que considera custos fixos e variáveis, proporcionando uma visão ampla dos gastos da empresa e permitindo uma gestão financeira estratégica;
  • integração com a estratégia de negócios: cada ajuste é feito considerando o impacto nas metas e objetivos de longo prazo da empresa.

Por que usar o orçamento ajustado?

A flexibilidade desse orçamento se destaca como sua principal vantagem, permitindo ir além das limitações de um orçamento fixo.

Com ele, o gestor pode reavaliar direcionamentos e tomar decisões objetivas em resposta às demandas do mercado, o que ajuda a manter a competitividade do negócio.

Ao estar por dentro das tendências do mercado e atender às exigências dos clientes, você posiciona sua empresa de forma mais competitiva.

Por fim, esse é um dos modelos de orçamento que proporciona bastante aprendizado e inovação. Ao ajustar suas estratégias com base nele, aparecem novas ideias e estratégias que poderiam passar despercebidas em um modelo fixo.

Libere seu crescimento - banner omie desplanilhe-se

Exemplos de orçamento ajustado

A adoção de um orçamento flexível na rotina da empresa não apenas ajuda a controlar despesas, mas também impulsiona a adaptação financeira. Para entender melhor essa ferramenta, nada melhor do que utilizar exemplos.

Vamos imaginar que a empresa tenha um orçamento de R$ 24 mil reais para o ano, ou seja, R$ 2 mil por mês. No entanto, houve uma queda imprevista das vendas no mês de março, exigindo uma mudança na programação.

É aí que entra o orçamento ajustado: com ele, para os meses de abril e maio, por exemplo, o gestor faz adaptações, prevendo um orçamento menor. Logo, precisa cortar despesas e, assim, decide negociar com fornecedores para conseguir preços mais vantajosos.

O empresário pode também decidir alocar parte da equipe em home office, reduzindo, portanto, os gastos fixos, como conta de energia elétrica, aluguel de um espaço grande, entre outros. Tudo isso para contornar a diminuição das vendas.

A adequação do orçamento também pode ser feita por conta de um volume maior de vendas do que foi previsto, permitindo que o gestor decida fazer um investimento no negócio, como a compra de maquinário, para aumentar a produção, por exemplo.

Banner conheça o sistema - gestão online

Como fazer um orçamento ajustado de forma eficiente

Para elaborar orçamento empresarial ajustado com eficiência, é preciso seguir alguns passos:

  1. Utilize sistemas de gerenciamento financeiro para facilitar a elaboração do orçamento.
  2. Projete as receitas e despesas (fixas e variáveis) de um período, realizando o planejamento orçamentário.
  3. Fique atento a mudanças no que foi projetado, como aumento ou diminuição das receitas, ou ainda elevação de despesas.
  4. Tome medidas de acordo com o cenário, como fazer ajustes com gastos excessivos, caso haja uma redução das receitas. Aqui podem ser necessárias medidas como economia de luz, de material de escritório, negociação com fornecedores, entre outras.
  5. Reserve parte do orçamento para situações de crise, a fim de manter o equilíbrio financeiro a longo prazo.

Orçamento ajustado e forecast, qual a diferença?

O orçamento ajustado pode também ser denominado forecast ou orçamento revisado.  É uma ferramenta que oferece flexibilidade, visto que pode passar por revisões, ou seja, pode haver alterações do plano orçamentário original.

Com isso, o gestor tem a liberdade de reavaliar estratégias devido a mudanças inesperadas no mercado ou nos recursos internos, sendo fundamental na gestão orçamentária do seu negócio.

Quais os três tipos de orçamento?

Além do orçamento ajustado, há ainda três tipos de orçamento empresarial. Confira abaixo:

  • orçamento estático: é um orçamento que é seguido à risca, ou seja, não há mudança no plano original, independentemente da situação da empresa;
  • orçamento contínuo: é um tipo de orçamento revisado continuamente, assim, mensalmente (ou trimestralmente) é feita uma revisão detalhada sobre o que foi planejado em relação ao que foi realizado;
  • orçamento base zero: é um orçamento elaborado do zero, sem considerar dados históricos da empresa.

Otimize a gestão financeira do seu negócio com um sistema ERP

O orçamento ajustado é uma ferramenta que não pode faltar para a gestão financeira, devido à flexibilidade para se adaptar às mudanças econômicas. Mas, para executá-lo, é importante ter atenção para fazer revisões conforme a situação atual da empresa.

Além de elaborar o orçamento empresarial, como orçamento ajustado, o gestor precisa automatizar esse processo com um sistema ERP, que se destaca como uma solução sob medida para integrar setores e auxiliar no gerenciamento eficiente do seu negócio. 

Para manter a saúde financeira da sua empresa em dia, você precisa de um parceiro para otimizar sua gestão: conte com as soluções financeiras da Omie e simplifique a rotina empresarial!

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
como manter os clientes engajados
Entenda a importância de durante o processo de implementação de um novo produto ou serviço manter os clientes engajados e
escala de trabalho
A escala de trabalho organiza horários de funcionários, promovendo eficiência e equilíbrio. Aprenda a calcular e implementar uma escala eficaz.
Aprenda sobre amortização, seus benefícios e como funciona para facilitar o pagamento de dívidas de forma econômica e eficiente.