Supply Chain Management: saiba como gerenciar recursos do seu negócio

Neste artigo, aprenda sobre o que é Supply Chain e sua importância para o bom funcionamento de uma empresa.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

Supply Chain Management, em português, gerenciamento da cadeia de suprimento, é algo fundamental em qualquer negócio. A gestão de todos os processos pelo qual um produto passa até chegar ao consumidor é um ponto crítico e decisivo para o sucesso de uma empresa.

Independente do tamanho do negócio, é imprescindível manter o controle de cada etapa. Isso inclui, por exemplo, os gastos que cada processo demanda, o número de funcionários que faz parte de cada equipe e a logística. Além disso, é importante buscar formas de melhorar continuamente para obter mais lucro e  sempre oferecer os melhores produtos e serviços. Confira o artigo para saber mais. 

Qual a função do Supply Chain Management?

O gerenciamento da cadeia de suprimento ou Supply Chain Management pretende manter o controle sobre todo o caminho que um produto faz até chegar às mãos do consumidor.

Isso inclui desde o contrato com as empresas responsáveis por fornecer a matéria-prima, as etapas de produção do item, embalagem, armazenamento, venda e entrega, seja para as lojas físicas onde ele será comercializado, diretamente na casa do consumidor ou para transportadoras. 

Dessa forma, a empresa consegue ter uma visão ampliada de como se dá o funcionamento do seu processo. Isso permite identificar os pontos que necessitam de mais atenção, erros que podem causar prejuízos, mas também perceber os acertos para as boas práticas serem valorizadas. 

O Supply Chain Management engloba ainda o atendimento ao cliente, compras  e o gerenciamento de finanças do marketing e recursos humanos. Ou seja, está envolvido não somente com o produto em si, mas também com o desenvolvimento de outros setores cuja atuação influencia diretamente no desempenho das vendas e da empresa em um todo. 

Dentre as tarefas incluídas nessa área estão: 

  • Pesquisa de fornecedores de matéria-prima;
  • Compra da matéria-prima;
  • Estudos de mercado para compreender oferta e demanda;
  • Planejamento da produção;
  • Fabricação do produto;
  • Armazenamento;
  • Controle de inventário;
  • Vendas;
  • Atendimento ao cliente;
  • Marketing;
  • Entrega do produto;
  • Gestão estratégica para melhoria de cada etapa.

O que está envolvido na cadeia de suprimentos do Supply Chain? 

Para ser feito um bom Supply Chain Management, é preciso compreender quais são os agentes envolvidos em cada uma de suas etapas, que foca não somente na produção como também no planejamento. 

Sendo assim, antes da fabricação do produto, é necessário haver uma pesquisa de mercado, onde se leva em consideração os números de venda dos períodos anteriores da empresa, como também fatores externos que podem influenciar o momento atual. 

A partir disso, criam-se previsões para determinar a quantidade de produtos que será produzida, um dos aspectos analisados é a média de tempo em que o estoque precisa ser reposto. Essa etapa envolve a liderança da empresa.

Outra etapa que faz parte da gestão de suprimentos é a produção. Primeiramente, é preciso encontrar quais são os melhores fornecedores de matéria-prima, que oferecem um bom custo-benefício e são capazes de entregar o material no tempo necessário. É imprescindível calcular cuidadosamente a quantidade que será usada de cada item, a capacidade de produção, além do que será feito internamente ou terceirizado. 

A gestão do estoque é um elemento essencial para o bom gerenciamento da cadeia de suprimentos. É preciso ponderar qual alternativa vale mais a pena para empresa, ter um estoque reduzido, que demanda um custo menor de armazenamento ou investir em um estoque maior. 

No primeiro caso, é possível faltar produto caso a demanda seja alta, entretanto, se você investir em produzir em grande escala, além do custo elevado de produção, pode também ter uma sobra indesejada no estoque. Daí que se revela a importância do planejamento. 

Outros fatores envolvidos no Supply Chain Management são o transporte de mercadorias,  a manutenção de maquinário, e o alinhamento com as equipes de marketing e vendas para que estas criem estratégias conforme o planejamento de produção da empresa. 

Vantagens que o Supply Chain Management garante ao negócio

Contar com um Supply Chain Management eficiente faz toda a diferença na performance de uma empresa, seja ela de pequeno, médio ou grande porte. É possível economizar, aumentar a produtividade e, consequentemente, ter uma renda maior. 

Redução de custos

Através de uma gestão efetiva da cadeia de suprimentos é possível economizar em diversas coisas, começando por encontrar fornecedores de matéria-prima que ofereçam preços melhores, até pensar em embalagens econômicas e também na gestão da logística de entrega. 

Com uma visão clara de cada uma dessas etapas, fica mais fácil identificar onde é possível reduzir gastos, sem prejudicar o processo de produção e a qualidade do produto final.  

Eficiência operacional

Outra vantagem da gestão de suprimentos e compreensão da Supply Chain é tornar cada processo mais eficiente. Pois, na medida que você analisa cada etapa, consegue identificar o que precisa melhorar e a partir disso traçar estratégias que tornem o trabalho das equipes de diferentes setores mais produtivo e eficiente. 

Satisfação do cliente

Se a cadeia de suprimentos funciona com alta performance, certamente, isso resultará em clientes satisfeitos. Afinal, eles terão a oportunidade de comprar produtos de alta qualidade, que atendam às expectativas. Caso você tenha uma loja online, ao fazer uma boa gestão logística, ainda garante que os itens sejam entregues sempre no prazo determinado. 

Evita erros 

O  Supply Chain Management se faz extremamente necessário para prevenir erros e evitar que a empresa perca dinheiro com isso. Quando há um controle rígido da produção, do começo ao fim, fica muito mais fácil perceber problemas e encontrar soluções antes que desencadeiem em crises. 

Integração da equipe 

Como o Supply Chain Management lida com equipes de vários setores, é possível entender melhor as formas como elas estão integradas e pensar em estratégias para proporcionar uma melhor comunicação entre colaboradores. 

banner cta empreendedor

Como usar o Supply Chain Management?

Além de compreender os benefícios das práticas do Supply Chain Management, é primordial entender como aplicá-lo no dia a dia. Você pode começar determinando quais tarefas de controle devem ser feitas em cada etapa. 

Bons parceiros 

Buscar parceiros que, assim como a sua empresa, estão comprometidos em oferecer o melhor serviço aos clientes é um ótimo começo. Os fornecedores devem estar alinhados com os valores da sua empresa, pois assim fica muito mais fácil trabalhar com eles, criar uma relação de confiança, na qual sua cadeia de produção não ficará prejudicada pela falta de responsabilidade de empresas terceirizadas.

Equipe integrada

Busque criar estratégias que foquem na boa comunicação entre as equipes. Use o Supply Chain Management para mostrar como o bom funcionamento da empresa só acontece quando todos trabalham de forma bem alinhada. Ressalte a importância de cada setor e de que a opinião dos funcionários é valorizada. Demonstre como a opinião deles é ouvida na prática. 

Demandas mapeadas

Faça o mapeamento das demandas existentes de cada setor e organize-as por nível de prioridade. Dessa forma, fica muito mais simples criar um planejamento para cada setor e construir ações possíveis em conjunto com cada equipe. 

Linha de produção ágil 

Como o Supply Chain Management permite perceber os pontos de falha no antes, durante e depois da fabricação dos produtos, é possível identificar o que atrasa a produção. Dessa forma, implementar mudanças para melhorar a produtividade e otimizar a linha de produção. 

Métricas de transportes atualizadas

Para ter um controle da logística de entrega das mercadorias tanto para lojas, transportadoras, como para os compradores finais, mantenha o controle do tempo que demanda cada um desses processos e atualize as métricas constantemente. Isso ajuda, por exemplo, no caso de vendas online, a determinar o prazo de entrega com precisão.

Funções otimizadas 

Procure identificar quais funções na cadeia de suprimentos podem ser otimizadas, por exemplo, através da automatização de tarefas. Assim, cada uma das equipes pode focar o esforço em questões estratégicas e de maior importância. 

A importância do Supply Chain Management

Como é possível compreender por meio deste artigo, Supply Chain Management é um conceito amplo que abrange vários setores de uma empresa. O que ressalta a importância de gestores desenvolverem habilidades ligadas a não somente uma área de negócios, pois é preciso ter um compreendimento de como os procedimentos funcionam tanto da negociação com fornecedores até a forma como as vendas são feitas. 

Desenvolver uma visão crítica e estratégica é fundamental para auxiliar e guiar cada um dos setores que integram a cadeia de suprimentos. Aprenda mais sobre isso através do artigo Logística integrada: o que é, como funciona e vantagens, no Blog Omie.

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
estoquistas vendo dicas de controle de estoque
Como fazer o controle de estoque para sua empresa de forma objetiva, eficiente e os principais cuidados que você deve
gestão de clientes
Entenda como as estratégias de gestão de clientes vão impulsionar o seu negócio.
eficiência operacional de restaurantes
Entenda como melhorar a eficiência operacional de restaurantes com o nosso guia!