Como escolher o melhor ERP para e-commerce? 6 benefícios e como escolher

Para oferecer uma ótima experiência de compra e pós-venda, escolha o melhor ERP para e-commerce! Saiba como aqui.
Navegação Rápida
Navegação Rápida

O mercado de e-commerce não para de crescer devido a toda comodidade que oferece ao consumidor. Mas para que os empreendedores tenham sucesso com sua loja virtual, é necessário fazer uma gestão eficiente do negócio com o melhor ERP para e-commerce.

Neste artigo, você vai conhecer todas as facilidades que um bom sistema ERP pode trazer para seu negócio. Além disso, vai entender como escolher o melhor software ERP para apoiar o crescimento da sua empresa.

Banner conheça o sistema - gestão online

 

O que é ERP para e-commerce?

Um ERP para e-commerce é um sistema que integra e gerencia as principais funções e processos de uma empresa de comércio eletrônico. Ele é projetado para ajudar os empreendedores no gerenciamento de várias áreas do negócio, como:

Esse sistema ajuda as empresas a otimizar suas operações, melhorar a eficiência e fornecer uma experiência de compra excelente para os clientes.

Benefícios do ERP para e-commerce

Se você quer empreender com uma loja virtual ou tem uma loja física e quer explorar o ambiente digital, saiba que, somente em 2023, o faturamento do e-commerce no Brasil foi de R$ 254,4 bilhões.

Entretanto, como vimos, para se destacar da concorrência é importante contar com um sistema ERP, que oferece diversos benefícios:

1. Maior agilidade nos processos de vendas

O ERP automatiza várias etapas operacionais e, além disso, as atividades de recebimento, separação, entrega e faturamento de pedidos ficam reunidas em um só local.

Além disso, tudo isso pode ser integrado com processos de outras áreas que forem necessárias para melhorar o desempenho do seu negócio.

2. Emissão automática de notas fiscais eletrônicas

Pelo ERP, o processo de vendas é integrado com a emissão de notas fiscais eletrônicas. Sendo assim, quando a venda é finalizada e o pagamento é efetuado, o sistema calcula os impostos exigidos e emite a nota fiscal automaticamente para o cliente.

3. Gestão otimizada do estoque

Com um ERP, você faz uma gestão de estoque mais eficiente, pois, conforme as vendas são realizadas, o controle das mercadorias estocadas é atualizado.

Esse processo pode ser integrado com o sistema de compras para maior controle das reposições e para acrescentar ao estoque os produtos adquiridos. Tudo de forma automática para agilizar sua rotina como empreendedor.

4. Integração com outros sistemas

Com vimos, o ERP para varejo e e-commerce pode ser integrado com diversos sistemas, inclusive softwares de contabilidade, CRMs (Gestão de Relacionamento com o Cliente), marketplaces, como Mercado Livre, sistemas bancários e de pagamentos, sistemas de fretes e entregas via Correios.

A integração CRM e ERP, por exemplo, permite conhecer melhor seus clientes e sugerir recomendações de compras mais personalizadas, gerando uma receita mais previsível e recorrente.

5. Gestão financeira estratégica

Reúna todas as informações financeiras, contábeis e fiscais em uma única plataforma para ter uma visão mais estratégica das operações e garantir um melhor planejamento para decisões de investimento ou redução de custos.

Com os dados bem estruturados no ERP para pequenas empresas, fica mais fácil pensar em ofertas de frete grátis, troca de fornecedores, ampliação do negócio ou do portfólio de produtos. Tudo com foco em atender melhor e crescer no mercado.

6. Backup automático de dados

O software ERP realiza backup automático de dados e é acessado por meio de login e senha, possibilitando que os clientes e a empresa fiquem mais tranquilos com a segurança de suas informações.

Entretanto, na hora de escolher o sistema ideal, saiba que Isso é possível se o software escolhido disponibilizar essa função, muitas vezes, com armazenamento em nuvem (para ser acessado de qualquer lugar).

Libere seu crescimento - banner omie desplanilhe-se

Conheça as principais funções que um ERP para e-commerce deve ter

Um sistema ERP oferece diversos módulos e funcionalidades e, como um e-commerce tem algumas necessidades específicas, é importante encontrar uma opção que atenda aos pontos básicos para garantir uma gestão eficiente.

Por isso, só escolha o seu ERP se ele tiver:

  • integração com sistema dos Correios e marketplaces;
  • vendas e propostas;
  • controle de caixa;
  • gerenciamento de catálogo e kits de produtos de forma personalizada;
  • gestão de todo o processo de vendas, como pedidos, separação, faturamento, impressão de notas e etiquetas e expedição, em um único lugar;
  • gestão automatizada de estoque;
  • funções diversas para o controle financeiro, incluindo emissão de boletos, planos de contas, gestão de preços, gestão de compras e importação de mercadorias;
  • relatórios gerenciais de vendas, estoque, curva ABC.
  • emissão de nota fiscal, modelos NF-e e NFS-e;
  • emissão de NFC/SAT;
  • servidor seguro em nuvem atualizado em tempo real.

Como escolher o melhor ERP para e-commerce?

Para auxiliar na difícil missão de escolher o melhor ERP para e-commerce, preparamos algumas perguntas que devem guiar seu processo de decisão, sempre de acordo com as necessidades da sua loja virtual.

  • Quais são os objetivos específicos do seu negócio? Se tornar referência no seu mercado de atuação ou aumentar o faturamento em um prazo específico?
  • Quais são as principais necessidades da sua empresa? Fretes mais baratos, entregas mais rápidas, atendimento mais ágil aos clientes, integração com contabilidade?
  • Qual o valor que você está disposto a investir em tecnologia para seu negócio? Saiba que você encontra no mercado opções de todos os tipos. No entanto, considere a relação custo-benefício do sistema, pois o armazenamento de dados em nuvem é um fator que reduz os custos de manutenção e operação do ERP. 
  • Já fez testes gratuitos nos ERPs mais usados? Isso possibilita experimentar a tecnologia por alguns dias.

Qual o melhor ERP para e-commerce?

O melhor ERP para e-commerce é aquele que oferece todos os benefícios e funcionalidades que já comentamos por aqui.

E se você sente que falta tempo para cuidar da operação, ou se tem muitos problemas com pedidos, com certeza está na hora de escolher a Omie como seu próximo Sistema ERP.

Ao usar o ecossistema Omie, sua loja virtual consegue:

  • Ter mais controle do fluxo de caixa;
  • Automatizar atividades repetitivas e muito operacionais;
  • Conquistar clientes com mais facilidade;
  • Contar com um Internet Banking dentro do sistema de gestão;
  • Ganhar tempo para elaborar melhores estratégias de crescimento.

Escolha a Omie como o ERP para seu e-commerce

Ao implementar o sistema ERP, é interessante que a sua equipe seja treinada para conhecer todas as funcionalidades do sistema. Dessa maneira, sua empresa pode aproveitar ao máximo todas as vantagens que essa tecnologia oferece.

O sistema ERP Omie é fácil de usar, o que simplifica o treinamento dos times e, consequentemente, aumenta a produtividade com mais rapidez. Conheça agora todo o ecossistema de soluções para marketplaces e e-commerces e veja que novos resultados surgem com a implementação de novas tecnologias.

Banner experimente - reduza os custos e ganhe mais eficiência em suas operações

Compartilhe este post
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Conteúdos relacionados
termo de uso
Entenda a importância dos termos de uso e da política de privacidade para garantir a segurança dos dados dos seus
OTIF: gestão de logística.
Conheça indicador que promove economia e eficácia
envio de encomendas: do empacotamento ao frete
Dicas para lojistas virtuais indicando cada passo para o envio de mercadorias: do empacotamento ao frete. Confira!