Empréstimo Empresarial Para Pequenas e Médias Empresas

O empréstimo empresarial pode exercer papel de forte aliado em uma empresa: seja para superar as dificuldades de uma crise econômica ou para se reinventar. Confira!

10/Mai/2021
Finanças

Muitos empreendedores estão enfrentando desafios nunca vivenciados antes devido à pandemia da COVID-19. E, nesse momento, o empréstimo empresarial pode exercer papel de forte aliado, independente do momento e do tamanho da empresa. 


Isso porque, alguns motivos podem ser a superação de dificuldades causadas pela crise econômica, servindo como solução para o pagamento do salário dos funcionários e para manter o fluxo de caixa, por exemplo, ou ainda para se reinventar e investir no e-commerce, impulsionando o crescimento do negócio nesta era digital.

O que é o empréstimo empresarial

O empréstimo empresarial é um aporte financeiro feito em empresas. Esse tipo de recurso pode ser solicitado tanto em bancos tradicionais quanto em fintechs e outras instituições financeiras. 

Pedir um empréstimo empresarial é, por muitas vezes, uma estratégia para que sua empresa passe por momentos desafiadores de maneira mais segura e com menor impacto e, futuramente, pode ser considerado também como um investimento financeiro, já que serão angariados recursos também para o crescimento do negócio.

Como posso utilizar meu empréstimo empresarial?

  • Capital de giro, aumentando os recursos financeiros que a empresa tem para arcar com seus custos operacionais;
  • Estruturação, melhoria e modernização do espaço físico (sede e demais unidades, caso se aplique);
  • Estoque e matéria-prima para produção (materiais para confecção de produtos ou prestação de serviços);
  • Expansão das atividades da empresa (se a empresa aumentar seu ramo de atuação, por exemplo);
  • Suporte às despesas fixas (contas de consumo, pagamento a fornecedores e funcionários);
  • Troca de dívidas com juros altos (obter um crédito com condições melhores para a saúde financeira da empresa e para quitar uma dívida);
  • Aprimoramento dos produtos e serviços oferecidos;
  • Divulgação da empresa (campanhas de marketing).

Como funciona o empréstimo empresarial hoje?

As Pequenas e Médias empresas ou PMEs são o motor da economia nacional e, há anos, enfrentam dificuldades no processo de solicitação de empréstimo empresarial. Diante disso, surgem novos competidores oferecendo serviços mais atrativos e ágeis.

As taxas mais acessíveis do mercado

De acordo com dados divulgados pelo Banco Central, o cheque especial fechou o ano de 2019 com 302,5% ao ano de taxas e o cartão de crédito com 318,9% ao ano. Hoje em dia, há fintechs que oferecem empréstimo empresarial com taxas competitivas, sem a necessidade de apresentar garantias reais (carro ou imóvel), e com um processo 100% online, rápido e seguro. 

Rápido, fácil e sem burocracia

A modalidade digital tem atraído cada vez mais empreendedores e o avanço da tecnologia financeira a torna cada vez mais segura. Com o processo 100% online, não é mais preciso que você se locomova da sua casa, trabalho ou de qualquer outro lugar. 

Você pode fazer sua solicitação de empréstimo empresarial online ou assinar seu contrato pelo smartphone ou computador. Além disso, não há mais a necessidade de imprimir inúmeros documentos ou cópias para que o crédito passe pelo processo de análise.

Como é o empréstimo empresarial em modelos como o Peer to Peer Lending? 

Peer-To-Peer (P2P) lending, também conhecido como empréstimo entre pessoas, corresponde a um modelo de economia colaborativa, que possibilita o encontro entre empresas e investidores por meio de plataformas digitais.

Dentre as principais características desse modelo, estão:

  • As transações são realizadas de forma 100% online;
  • Os investidores são pessoas físicas que escolhem em quais empresas investir;
  • A intermediação ocorre por meio de uma empresa de empréstimo peer to peer;
  • Não é necessário que as partes envolvidas no processo tenham qualquer relação prévia.

 

Fatores que impulsionaram a evolução do Peer to Peer no Brasil

Ciclo de cortes na taxa básica de Juros, a Selic

Com menor rendimento em suas operações e, em alguns casos, tendo seu patrimônio sendo corroído pela inflação, o investidor é obrigado a buscar novas formas de rentabilizar seu capital, como compra de imóveis, bolsa de valores.

A mudança no perfil de juros básicos no País – curva com comportamento de queda – tem como principal consequência a dificuldade do investidor de manter a mesma rentabilidade.

Diante dessa situação, se torna necessário realocar seu capital de investimentos especulativos, como renda fixa, para a “economia real”, como imóveis, ações e o modelo Peer to Peer, capaz de desenvolver o empreendedorismo e ajudar no fomento da economia e sociedade como um todo.

 

Entenda o momento da sua empresa

A organização financeira é fundamental para que você conheça a realidade do seu empreendimento e se sinta seguro para solicitar um empréstimo empresarial. É por meio dela que saberá quais pontos estão equilibrados e quais deles devem ser melhorados, exigindo uma atenção maior.

De suma importância, a organização financeira é um passo-chave para que a empresa esteja sempre equilibrada e aumente o crescimento do negócio e o empréstimo empresarial pode ser forte alinhado a essa trajetória.

Receba as novidades

Assine nossa newsletter

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas

Posts Relacionados

Artigos por autor

Receba as novidades

Receba as novidades

Obrigado por se inscrever!

Oops! Verifique novamente se informações estão corretas